Estresse e ansiedade podem intensificar a formação de rugas?


  • +A
  • -A

O envelhecimento do corpo gera muitas mudanças em todo o organismo. No entanto, a pele, por ser um órgão externo, é onde as alterações são mais visíveis. O surgimento das rugas faz parte desse processo. Elas são linhas e marcas, como os pés de galinha e rugas de expressão, que começam a aparecer por volta dos 25 anos de idade e que podem ser agravadas pelo estresse e pela ansiedade.

Estresse e ansiedade aceleram o envelhecimento da pele


Segundo o dermatologista Bruno Vargas, o estresse e a ansiedade prejudicam as células da pele e seu processo de renovação. “Pode haver um
envelhecimento precoce da pele, que acontece por causa dos telômeros, que funcionam como capas protetoras dos cromossomos, preservando o DNA. O estresse ajuda a encurtar esses telômeros, a promover o envelhecimento e a causar manchas e rugas”, explica o médico.

Esses, entretanto, não são os únicos efeitos do estresse e da ansiedade sobre a pele. Eles também provocam falhas no sistema imunológico, deixando-o mais vulnerável a agentes causadores de infecções, alergias e acnes. Além disso, com a imunidade do corpo baixa, o tempo de cura para esses problemas será maior.

Cigarro e pouco consumo de água também facilitam surgimento de rugas


O envelhecimento da pele e a formação de rugas estão ligados não só ao estresse e à ansiedade, mas a vários outros fatores. “Hábitos como
tabagismo, baixo consumo de água, falta de uso de hidratantes, dieta rica em açúcares e gorduras e exposição à poluição também propiciam os sinais”, alerta o dermatologista. Associados, esses fatores facilitam bastante o surgimento das rugas.

De acordo com Dr. Bruno Vargas, não é possível evitar as rugas, já que elas fazem parte do processo natural de envelhecimento. O que é possível fazer é retardar seu aparecimento. Entre as medidas recomendadas estão usar protetor solar diariamente, ter uma alimentação rica em nutrientes, como vitamina A, ter uma rotina de cuidados com a pele, incluindo limpeza e hidratação, e ter boas noites de sono, já que as células da pele se renovam enquanto dormimos.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Bruno Vargas Aniceto

Dr. Bruno Vargas Aniceto

Dermatologia

CRM: 38959 / MG

TAGS
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Estresse e ansiedade podem intensificar a formação de rugas?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.