Niacinamida: qual é a função dessa substância em um creme hidratante?

  • +A
  • -A

Você já ouviu falar na niacinamida? Talvez esse nome soe um pouco estranho ou científico demais, mas ele é um termo específico para designar a vitamina B3, que entre outros benefícios, tem uma ação muito importante para a nossa pele. Porém, muita gente ainda não sabe para que serve niacinamida, o que este ativo faz e qual é a relevância dessa substância nos produtos hidratantes. A dermatologista Cristiane Simões tirou essas e outras dúvidas. Confira!

O que é niacinamida? Saiba tudo sobre a vitamina B3

Dra. Cristiane destaca que a niacinamida não é nenhuma novidade: “A niacinamida é uma das vitaminas do complexo B, uma velha conhecida nossa. Mais comumente chamada de vitamina B3, tem sido usada recentemente nas formulações de dermocosméticos devido às suas propriedades hidratantes, iluminadoras e clareadoras, que agem reduzindo rugas e manchas e repondo a barreira epidérmica devido à síntese de ceramidas”. 

O currículo desse nutriente é realmente muito extenso: com função antioxidante, anti-inflamatória, cicatrizante e calmante, ela cai bem para praticamente qualquer demanda da pele. É possível até mesmo o uso de niacinamida para melasma, um tipo de mancha de pele muitas vezes causada pela exposição solar sem proteção. Outra grande vantagem da vitamina B3 é a ausência de contraindicações, como destaca a especialista: “Na concentração utilizada nos dermocosméticos, não existe contraindicação formal quanto ao uso de niacinamida. Porém, como qualquer substância química, deve ser evitada em quem tem hipersensibilidade ao produto”.

Niacinamida: para que serve a substância na composição de hidratantes

Mas afinal, qual é a função dessa substância nos cremes hidratantes e cosméticos no geral? Dra. Cristiane destaca algumas funções importantes desse ativo. “Nas formulações que têm por objetivo a restauração da hidratação da pele, a niacinamida age estimulando a síntese de ceramidas, ácidos graxos, da queratina e da filagrina, que ajudam a reter água, promovendo a hidratação da pele”, esclarece. “Deste modo, há o fortalecimento da barreira cutânea, evitando o ressecamento. Ela ainda melhora a textura da pele, estimulando a renovação celular e é muito estável, não se degradando com a exposição à luz solar ou ao calor”, informa a médica. 

Considerada uma substância calmante, a niacinamida também pode entrar em formulações para hidratantes pós-sol, evitando a vermelhidão. Também é uma boa opção para peles sensíveis e que possuem alta tolerância a outros ativos. Ela também é uma alternativa para quem procura um creme hidratante que atue contra o envelhecimento precoce, graças à sua ação antioxidante sobre os radicais livres. 

Dra. Cristiane lembra, no entanto, que hidratar a pele é mais do que apenas um cuidado com a beleza, mas uma questão de saúde. “Eis aqui um cuidado em saúde muito importante e que, por não entendermos sua função, com frequência acreditamos ser ‘simples questão de vaidade’. Na verdade, hidratar a pele com produtos próprios a este fim, é um hábito necessário que vai reforçar a barreira de proteção da pele, prevenir possíveis irritações, melhorar a textura e proteger a pele de agentes externos presentes no meio ambiente, como poluição, água quente ou muito fria e clima seco”, conclui a dermatologista.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Cristiane Simões

Dra. Cristiane Simões

Dermatologia

CRM: 52-811254 / RJ

TAGS
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

4 comentários para "Niacinamida: qual é a função dessa substância em um creme hidratante?"
Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.