AchèAchè
    search
    Título

    Osteoporose: Se homens tem menos estrogênio, por que a doença é mais comum em mulheres?

    Doenças dos Ossos

    Por

    A osteoporose é uma doença caracterizada pela perda da densidade mineral dos ossos, que se tornam bastante frágeis com o passar dos anos. A queda na produção de estrogênio, o hormônio sexual feminino, está entre as causas da doença, conhecida por afetar mais as mulheres que os homens. No entanto, o que explicaria a menor quantidade de casos de osteoporose nos homens, se sua produção de estrogênio é menor?

    Diminuição de testosterona está ligada à osteoporose nos homens


    “Isso está relacionado aos mecanismos responsáveis pelo desenvolvimento da doença nos homens, que são diferentes dos mecanismos nas mulheres. Ou seja, os homens não têm osteopenia e osteoporose causadas pelo mesmo fator que as mulheres”, afirma a ginecologista e obstetra Cintia Fonseca de Assis Santana.  

    Segundo Jefferson Delfino, também ginecologista, a testosterona é quem exerce a função do estrogênio nos homens, mas a redução na sua quantidade acontece de uma maneira diferente: “As mulheres, pelo evento da menopausa, têm um momento de decréscimo na quantidade de estrogênio muito rápido e isso impacta a perda de massa óssea de forma muito rápida e importante. Nos homens, por não terem evento tão marcante, a perda é mais linear”. 

    O estrogênio protege contra a osteoporose


    Para Dra. Cintia, a presença de estrogênio no organismo feminino é um fator protetor contra a osteopenia e a osteoporose. “Pacientes obesas, que têm uma conversão periférica de estrogênio maior, têm um fator de proteção para osteoporose e osteopenia. Por outro lado,
    pacientes magras, que têm pouca gordura e menos conversão estrogênica, têm mais risco para osteoporose”, informa a médica. 

    O melhor jeito de driblar os mecanismos responsáveis pela doença, segundo a ginecologista, é ter um estilo de vida saudável: é preciso se alimentar bem desde a primeira infância, se expor ao sol e ter um equilíbrio hormonal, principalmente nas mulheres. 

    “Quanto melhor nos alimentamos, quando não bebemos, não fumamos, fazemos atividade física e não somos obesos, estamos driblando não só os mecanismos responsáveis pela osteoporose e osteopenia, mas também de uma série de outras doenças que acompanham o envelhecimento”, finaliza. 


    Foto: Shutterstock

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes