AchèAchè
    search
    Título

    A endometriose pode causar ganho de peso? Descubra!

    Uncategorized

    Por

    A endometriose é um problema de saúde muito comum: uma em cada dez mulheres sofre com a doença no Brasil, de acordo com dados fornecidos pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, vinculada ao Ministério da Educação. Além da dor característica, quem convive com o problema sabe que há outros sintomas que prejudicam a qualidade de vida da paciente. Será que o sobrepeso é um desses sintomas? Descubra o que a endometriose pode causar e se os quilos a mais podem ter a ver com a doença. 

    O que a endometriose pode causar?

    Mulheres com sobrepeso podem apresentar endometriose, mas essa não é uma questão associada à doença. Não há estudos ou evidências que relacionem o aumento de peso ou a obesidade com a endometriose em si. No entanto, outros problemas podem ser causados pela doença. É o caso de alterações no ritmo intestinal, por exemplo: é muito comum a mulher com endometriose ter prisão de ventre ou diarreia devido à doença. A infertilidade também é outra consequência frequente nas pacientes. 

    O que pode acontecer é o ganho de peso devido à medicação hormonal receitada no tratamento de endometriose. A escolha do tratamento varia de caso para caso, como indica o ginecologista Márcio Sakita: “Cada um deles tem sua indicação e riscos. O ginecologista deve recomendar a melhor opção baseada na idade da paciente, nos sintomas, na gravidade da doença, no desejo reprodutivo, na presença de comorbidades associadas e, se for o caso, na contraindicação para o tratamento”. 

    Conheça os principais sintomas de endometriose

    Apesar de comum, a endometriose é uma doença com diagnóstico difícil. A principal queixa que a paciente leva ao consultório, geralmente, é a dor intensa, mas para bater o martelo, é preciso passar por um exame clínico e outros testes. “Os exames mais utilizados para o diagnóstico da endometriose são a ultrassonografia pélvica transvaginal, a dosagem de marcadores, a ressonância magnética, a colonoscopia e a cistoscopia. Outra opção é a laparoscopia, uma cirurgia que permite o diagnóstico, a definição de estágio e o tratamento inicial da doença”, diz Dr. Sakita. 

    Os principais sintomas de endometriose incluem, além da cólica intensa e muitas vezes incapacitante, dor crônica na região da pelve, fluxo menstrual intenso, dor na relação sexual (dispareunia) e dificuldade para engravidar. Geralmente, as mulheres com endometriose também podem apresentar inchaço ou distensão na região do abdome, TPM mais severa e menstruação irregular.

    Dados da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, vinculada ao Ministério da Educação: https://www.gov.br/ebserh/pt-br/hospitais-universitarios/regiao-nordeste/ch-ufc/comunicacao/noticias/endometriose-entenda-os-principais-aspectos-da-doenca

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes