Quais são as principais doenças infantis que podem ser prevenidas pelo reforço da imunidade?


  • +A
  • -A

Durante a infância diversas doenças acometem as crianças por conta da baixa imunidade, sendo que em cada fase há quadros que ocorrem com mais frequência. Na fase que começa a partir do momento em que o bebê completa seis meses de vida, por exemplo, as infecções respiratórias virais são bastante presentes. O reforço da imunidade é essencial para evitar ao máximo essas infecções.  

 

Queda da imunidade na infância e doenças decorrentes

 


“A queda transitória da imunidade na infância pode ser desencadeada por vários fatores. A partir dos 6 meses de vida, existe a queda fisiológica da imunidade, um processo esperado, onde há a substituição da imunidade repassada pela mãe pela capacidade própria da criança de combater as infecções. Nesta mesma fase, muitas crianças ingressam na creche e passam a conviver com outros lactentes, o que aumenta o risco de infecções”, explica a pediatra Renata Coutinho.

Segundo a médica, nas crianças mais velhas o risco pode estar associado à má alimentação, privação de sono e excesso de atividades, sendo as doenças de imunidade mais raras.

 

Hábitos para reforçar a imunidade em crianças e riscos de não adotá-los

 


Para que as crianças tenham a boa imunidade, recomenda-se que a reforcem com hábitos saudáveis, como alimentação equilibrada, prática moderada de esportes supervisionados e horários de descanso, respeitando a demanda pela idade. “A abstinência de todas essas orientações, para crianças sem doenças associadas, não resulta em sequelas graves do ponto de vista infeccioso. Estas crianças são mais vulneráveis às doenças comuns da infância, mas, de maneira geral, evoluem com melhora”, afirma.

O uso de imunomoduladores também pode ser indicado, especialmente para reforçar o sistema de defesa do corpo antes do início das aulas, por exemplo, um período no qual a criança entra em contato próximo com vários outros indivíduos da mesma idade, um contexto favorável à transmissão de doenças respiratórias.

A má adesão aos bons hábitos acima citados geram consequências a longo prazo e mais preocupantes que a própria queda transitória da imunidade. “Crianças com rotinas estressantes e com alimentação rica em carboidratos, açúcares e produtos industrializados, são mais suscetíveis a outros transtornos, como diabetes, baixo rendimento escolar, obesidade infantil, transtornos de ansiedade, entre outros. Portanto, a imunidade, neste caso, é o elemento menos afetado no contexto global de saúde do indivíduo”, conclui Renata.

 

Dra. Renata Coutinho é pediatra e infectologista formada pela Universidade Federal Fluminense (UFF). CRM: 52799661

Foto: Shutterstock

TAGS
imunidade

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

17 comentários para "Quais são as principais doenças infantis que podem ser prevenidas pelo reforço da imunidade?"

fabiana cristina santos

Ola,eu particularmente adorei receber e-mail de vcs!Espero que continuem a enviar pois é de suma importância para nós mamães!gratafabiana

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Fabiana, ficamos felizes que você tenha gostado. Abraços.

Flávia

Muito útil esse email, por favor me envie sempre. Obrigada.Flávia.

Adriana

Muito interessante, informações preciosas!! Obrigada!

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Adriana, ficamos felizes que você tenha gostado. Abraços.

Davi Balsas

Na minha infância sofri com bronquites e pneumonias constantes. Até conhecer um pediatra muito bom, que recomendou eu realizar um tratamento com Leucogen. Me ajudou bastante na recuperação e passei a levar uma vida saudável. Agora, com 36 anos, tenho um filho de 2 anos, que começou a passar pelos mesmos problemas que eu. Não tive dúvidas, busquei o meu velho e bom pediatra, que ainda esta atendendo apesar da idade, e recomendou novamente o Leucogen. Meu garotão agora está mais forte e sem tantas viroses atrapalhando sua rotina.

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Davi, ficamos felizes em saber que você e seu filho conseguiram alcançar uma melhor qualidade de vida após seguir um bom tratamento médico. Abraços.

Herica

Acho muito bacana os artigos do blog. Muito úteis!

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Herica, ficamos felizes que você tenha gostado da matéria. Continue por aqui para ter acesso a essas e outras informações. Abraços.

Letícia

Fiquei feliz e surpresa ao receber o email.Minha filha tem 2 anos e ao iniciar na creche teve muitas viroses. A pediatra recomendou o leucogem, e estou muito satisfeita com o mesmo. Sua imunidade aumentou e espero que fique assim ao retorno das aulas.

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Letícia, ficamos felizes em saber que seu filho conseguiu alcançar uma melhor qualidade de vida após seguir um bom tratamento médico. Abraços.

Michela M Maçaneiro

Adorei artigo, gostaria de continuar recebendo. Lecionam foi maravilhoso pra mim e pro meu filho

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Michela, ficamos felizes que você tenha gostado. Continue por aqui para ter acesso a essas e outras informações. Abraços.

Kelly Siqueira

Sou mãe e adoro ler tudo que fala a respeito da saúde das crianças principalmente a minha que sofre com a imunidade baixa adoro esse saite não perco nada nem um artigo do cuidados pela vida e outra melhor de tudo chega direto no meu e mail..Parabéns

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Kelly, ficamos felizes que você tenha gostado. Continue por aqui para ter acesso a essas e outras informações. Abraços.

Adeline Aparecida De Oliveira Malta

Obrigada Por Me Enviar Por Imail Adorei!!!! Tenho Um Filho De 5 Anos Após Ter Começado A Ir Para A escola Passou A ter Várias infecções De Garganta Levei Ao Otorrino E o Mesmo Passou Leucogen e Ele Não Teve Mais Infecção A uns 9 Meses e Melhorou Muito O Apetite. Fica A Dica Mamães!!!!!

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Adeline, ficamos felizes em saber que seu filho conseguiu alcançar uma melhor qualidade de vida após seguir um bom tratamento médico. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.