AchèAchè
    search
    Título

    Qual é a diferença entre a artrite reumatoide e a osteoartrite?

    Uncategorized

    Por

    Por mais que apresentem semelhanças, artrite reumatóide e osteoartrite são quadros distintos, com causas e sintomas próprios. De acordo com a reumatologista Lívia Machado, a artrite reumatóide é uma doença autoimune, inflamatória e crônica, que faz com que as células de defesa, por vários motivos, ataquem as articulações, principalmente.

    Principais características de artrite reumatóide e osteoartrite


    “Já a osteoartrite é uma doença crônica, de caráter degenerativo, que decorre do uso excessivo de uma articulação ou após algum trauma ou inflamação. Isso gera lesão de cartilagem, ossos e perda de estruturas lubrificantes, o que pode levar a deformidades e limitações de movimentações. Vale acrescentar que a
    artrite reumatóide também pode acometer órgãos, como pele, pulmão, olhos, dentre outros”, informa a médica.
    As duas doenças têm como principal sintoma a dor nas articulações, mas em cada uma esse sintoma se manifesta de uma maneira específica. Na artrite reumatóide, a dor se dá mesmo em repouso, piorando pelo período da manhã e podendo se estender ao longo do dia. Junto da dor, é comum o paciente apresentar rigidez e inchaço articulares.
    “A osteoartrite, por sua vez, cursa, normalmente, com dores que melhoram com repouso e pioram ao longo do dia, após os esforços físicos e o uso da articulação acometida. Pode ou não cursar com inchaço associado. O que mais se nota é um aumento ósseo que surge e progride ao longo do tempo”, explica a especialista.

    Tratamento medicamentoso


    Ambos os quadros
    se beneficiam do tratamento medicamentoso, porém cada um com remédios distintos. “A artrite reumatóide, por ser doença autoimune, precisa de medicamentos imunossupressores. Já a osteoartrite pode ser tratada com diversos remédios, como analgésicos, colágenos, condroitina, glicosamina e antiinflamatórios. Estes últimos não devem ser utilizados em excesso, pois podem trazer prejuízos para outros órgãos”, conclui a profissional.

     

    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes