search
Título

Pele jovem: quais são os cuidados a serem tomados a partir dos 20 anos?

Uncategorized

Por

 

Por volta dos 20 anos de idade, a pele ainda não apresenta, de forma geral, muitos sinais de envelhecimento ou da ação dos raios solares. Mesmo assim, de acordo com o dermatologista Tiago Silveira, como o envelhecimento é um processo que se inicia já a partir do nascimento, é importante começar a ter certos com cuidados com a pele desde cedo e mantê-los com o passar dos anos.

Alimentação ajuda a prevenir envelhecimento precoce


O primeiro passo para que a pele continue saudável e bonita a partir dos 20 anos é adotar uma
alimentação balanceada. “Como tudo que envolve nossa saúde, é importante ter uma boa alimentação, rica em vitaminas e proteínas e com baixo teor de açúcares, que contribuem para o envelhecimento”, afirma o médico. Segundo o profissional, o açúcar é responsável pelo processo de glicação, que reduz a quantidade de colágeno da pele.
Nesta faixa etária, são comuns os casos de pacientes que apresentam distúrbios que envolvem oleosidade, cravos e espinhas. “Para eles, é importante a limpeza adequada da pele com sabonetes antioleosidade (adstringentes) e o uso de produtos leves, que não obstruam os poros”, recomenda o especialista. Já nas situações mais graves, será necessário um tratamento mais profundo, com medicações orais.

Hidratação é necessária para manter a pele firme e bonita


Para as pessoas que têm a pele ressecada e sensibilizada, a melhor dica é investir em uma hidratação adequada, que pode ser feita com hidratantes de textura suave, como é o caso dos cosméticos não comedogênicos, que não provocam o surgimento de cravos e espinhas. No entanto, mesmo quem não tem a pele seca deve procurar beber bastante água, já que são muitos os benefícios, tanto para a saúde da pele quanto do corpo todo.

Dr. Tiago aconselha também a adotar algumas medidas para combater os radicais livres que se formam na pele. “Esses radicais livres degradam nosso colágeno e contribuem para o envelhecimento. Nessa faixa etária, recomendo sempre um antioxidante, ou seja, vitaminas e derivados vegetais capazes de combatê-los. Indico também, em alguns casos, um renovador celular, que traz poros mais fechados, pele renovada, luminosa e de cor homogênea”, destaca o dermatologista.
Foto: Shutterstock

Newsletter
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes