search
    Título

    Os sintomas do infarto podem ser diferentes para quem tem diabetes?

    Uncategorized

    Por

    O diabetes é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento da aterosclerose, o depósito de gordura na parede dos vasos sanguíneos, que é a principal causa de infarto do miocárdio. Por serem mais suscetíveis a essa complicação cardiovascular, os pacientes com diabetes devem ficar atentos aos sintomas do infarto que, neste grupo, são um pouco diferentes.

     

    Diabéticos podem ter mal-estar e palidez ao sofrer um infarto

     

    “Os diabéticos podem ter a dor típica, que é a dor forte no peito, com queimação ou aperto, porém também podem ter sintomas que são confundidos com hipoglicemia (taxa baixa de açúcar no sangue), como suor frio, mal-estar, palidez, tontura e náuseas”, afirma o cardiologista Laércio Uemura.
    No entanto, é preciso lembrar que existem casos de infartos em pacientes com diabetes que não sentem qualquer dor, o que dificulta o atendimento rápido e pode causar danos maiores ao coração. “A ocorrência de infartos sem dor nos diabéticos provavelmente está relacionada a lesão da inervação cardíaca pelo diabetes, a neuropatia diabética, que altera o limiar de dor nesta população“, diz o médico.

     

    Tratamento correto do diabetes diminui risco de infartos

     

    Nestes casos, a melhor forma de se prevenir de um infarto é realizar o tratamento do diabetes da maneira correta, controlando rigorosamente as taxas de açúcar no sangue. Dessa forma, o paciente evita a inflamação da parede das artérias, a formação de placas de colesterol e alterações que facilitam o rompimento dessas placas, que é a causa do infarto do miocárdio.
    O tratamento do diabetes pode ser feito com medicações indicadas por um especialista e por medidas no dia a dia, como diminuir o estresse. “O paciente deve reduzir os níveis de colesterol ruim, cessar o uso de cigarro, controlar a pressão arterial e o peso, fazer exercícios físicos e ter uma alimentação balanceada, rica em verduras cruas e fibras, principalmente”, recomenda Uemura.

     

    Dr. Laércio Uemura é cardiologista e especialista em Medicina Intensiva, formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e atua no Centro do Coração, em Londrina (PR). CRM-PR: 9807
    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes