search
    Título

    Exercícios internos ou externos: quais são os mais indicados para quem tem asma?

    Uncategorized

    Por

    A asma é uma doença crônica que gera falta de ar, tosse e chiado no peito dos pacientes, o que é resultado da inflamação dos brônquios. Para amenizar esses sintomas, os médicos recomendam a realização de exercícios físicos com regularidade. Mas, comparando atividades internas e externas: será que existe um grupo mais indicado para asmáticos?

    Atividade física faz parte de tratamento da asma


    “Estudos demonstraram que os exercícios em ambientes internos são benéficos para o controle da asma, como natação em piscina aquecida. Eles foram desenhados em países em que o ambiente externo é crítico no inverno, com temperaturas negativas. Mas isso não tem validade para o inverno do Brasil”, afirma o pneumologista Ramiro Sienra.

    A estação fria ainda é a mais preocupante para pacientes asmáticos. No entanto, o frio brasileiro não impede que os exercícios físicos sejam feitos ao ar livre. Os benefícios são muitos: “A prática de atividades físicas é aconselhada para todos os asmáticos, uma vez que os estudos comprovaram que ela diminui o risco de crises de asma, aumenta o controle da doença e melhora a sensação de falta de ar”, diz o médico.

    Exercícios internos ou externos? O mais importante é não ter contato com alérgeno


    O mais importante, de acordo com Dr. Ramiro, é se certificar de que a modalidade escolhida não irá expor o paciente asmático ao alérgeno que desencadeia suas crises. “Exemplos para serem evitados: criança com alergia a ácaro e fazer judô ou caratê em tatames mofados, fazer corridas em esteira dentro de
    ambiente com ar-condicionado sem limpeza de filtro e praticar natação tendo alergia ao cloro da piscina”, cita o especialista.
    O yoga é uma atividade física que ajuda a melhorar a respiração. Com suas técnicas, o paciente aprende a controlá-la e se torna mais calmo para enfrentar uma crise, saindo dela com mais facilidade. Independentemente da escolha, é necessário que as atividades durem mais de 30 minutos e sejam feitas pelo menos quatro vezes por semana.
    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes