AchèAchè
    search
    Título

    É possível reduzir o desconforto causado pelas feridas do herpes?

    Herpes
    Sintomas

    Por Dra. Karina Lopes

    5 de novembro de 2019

    O herpes simples é uma infecção viral caracterizada pelo aparecimento de pequenas bolhas e lesões, que costumam afetar as áreas labial e genital, dependendo de onde aconteceu o contágio. Coceira, ardor e formigamento são alguns dos sintomas que precedem o surgimento das feridas avermelhadas e, no geral, a primeira crise também pode causar febre.

    “Para reduzir o desconforto causado pelas lesões de herpes e a duração das feridas, o ideal é que o tratamento da crise seja iniciado o mais rápido possível, de preferência nos primeiros dois dias do surgimento das lesões. O tratamento oral é mais eficaz do que o local e deve ser orientado por um médico dermatologista. Além disso, algumas pomadas com ação analgésica podem auxiliar no controle da dor”, informa a dermatologista Karina Lopes.

    O ideal é prevenir as crises de herpes


    Os portadores do vírus podem não manifestar os sintomas até o vírus sair do seu estado de latência, muitas vezes estimulado por fatores que funcionam como gatilhos, como a queda na imunidade. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, estima-se que 99% da população adulta mundial já entrou em contato com o vírus, mas entre as pessoas que possuem o vírus, apenas 10 a 15% delas apresentam os sintomas. Já que a doença não tem cura, o ideal é
    prevenir as crises.

    Um estilo de vida saudável, com uma alimentação balanceada e exercícios físicos regulares, favorece uma imunidade alta e um organismo resistente, mantendo assim o vírus inativo. A transmissão da doença ocorre pelo contato, seja diretamente pelas vesículas na pele ou pela mucosa de uma pessoa infectada, então cuidados simples, como evitar tocar as lesões ativas e usar preservativos nas relações sexuais, são imprescindíveis. 

    Alimentos ricos em lisina ajudam a suprimir o vírus do herpes


    Segundo a médica,
    alimentos ricos em lisina, um dos oito aminoácidos essenciais, podem acelerar a recuperação das lesões de herpes. Isso ocorre porque o aminoácido auxilia na produção de anticorpos, aumentando a imunidade em processos virais, e também participa do processo de reparação dos tecidos. Alguns exemplos de alimentos ricos nesse aminoácido são abacate, soja, ervilha, ovos e leite.

    No entanto, outros tipos de alimentos, assim como hábitos nocivos, podem atrapalhar a recuperação. “O ideal é evitar alimentos muito ácidos, condimentados ou em altas temperaturas, pois podem piorar o desconforto caso entrem em contato direto com as lesões.  Também é importante evitar o consumo de cigarros e álcool, além da exposição solar da região sem proteção”, alerta Dra. Karina.

    Dados: https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/doencas-e-problemas/herpes/68/

    Tags
    bolhas
    genital
    herpes
    labial
    lesões
    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes