AchèAchè
    search
    Título

    Dia da Saúde Ocular: Confira 6 dicas para cuidar melhor da sua visão

    Uncategorized

    Por

    Como você tem cuidado da sua saúde ocular? Muita gente deixa de ir ao oftalmologista por negligência ou simplesmente porque pensa que não tem a menor necessidade de visitar este especialista. Mas a realidade é que uma consulta ao médico especialista que cuida da saúde dos olhos deveria ser tão importante quanto ir a um clínico geral regularmente para fazer um check-up, por exemplo. 

     

    Certificar com um profissional que você tem a visão saudável está entre as principais dicas para manter os cuidados com os olhos em dia. Sem falar que visitar este especialista a cada seis meses garante que você consiga prevenir doenças oculares, além de facilitar o diagnóstico precoce de problemas na visão, como a catarata, o glaucoma e a degeneração macular relacionada à idade (DMRI), melhorando as chances de sucesso no tratamento.

     

    Em conscientização ao Dia da Saúde Ocular, celebrado em 10 de julho, a equipe do Cuidados Pela Vida entrevistou o oftalmologista Caetano Bellote Filho, que indicou 6 cuidados que devemos ter com a visão. Acompanhe!

     

    1. Cuidados com a alimentação

     

    Comer bem proporciona diversos benefícios ao organismo, incluindo a saúde ocular, sabia? Uma dieta equilibrada, baseada em boas opções de proteínas, legumes, verduras e frutas, é a chave para uma visão saudável ao longo da vida. A alimentação ajuda a prevenir uma série de doenças oculares provocadas pelo diabetes, como é o caso da retinopatia diabética. De acordo com o Ministério da Saúde, o problema atinge a retina de pacientes diabéticos e se manifesta por meio da diminuição da visão de forma progressiva ou súbita quando o nível de glicose fica elevado por um longo período.

     

    Outro ponto positivo dos cuidados com a alimentação para a saúde visual é que, juntamente com a mudança de outros hábitos de vida, como parar de fumar e evitar a exposição excessiva ao sol, também é possível evitar a degeneração macular relacionada à idade (DMRI), uma das principais causas de cegueira em pessoas com mais de 50 anos.

     

    1. Consultas regulares ao oftalmologista

     

    Ir ao oftalmologista é um dos principais cuidados que devemos ter com a visão e é um hábito que deve ser estimulado pelos pais ainda na infância. “A avaliação periódica desde pequeno é fundamental para a saúde dos olhos. Não se deve deixar a criança passar dos três anos sem ter o primeiro contato com o oftalmologista, tendo queixa ou não”, afirmou Dr. Caetano. Para manter os cuidados com a visão em dia, é necessário ir ao consultório uma vez ao ano para exames de rotina, como a tonometria (medida de pressão intraocular), capazes de detectar o glaucoma e outros problemas na visão. 

     

    1. Cuidados com o tempo seco

     

    Nas estações mais secas, como outono e inverno, é necessário reforçar os cuidados com a visão. A baixa umidade do ar pode causar ardência e vermelhidão nos olhos devido à evaporação da lubrificação ocular natural: as lágrimas. Para acabar com esses incômodos, você precisa evitar ao máximo ambientes com ventilador e ar-condicionado, além de usar um colírio para manter os olhos bem lubrificados. Antes de comprar qualquer medicamento, consulte um oftalmologista para pegar a recomendação do produto mais seguro para este caso, se houver necessidade. 

     

    1. Óculos escuros para proteção contra os raios UV 

     

    Óculos escuros são muito mais que um simples acessório. De acordo com o oftalmologista, esse item é um grande aliado da saúde ocular. “Ele filtra algumas radiações, a própria luz visível fica atenuada e os raios ultravioleta, que são responsáveis pela formação da catarata, pterígio e também de lesões na retina ao longo dos anos”, ressaltou o médico.

     

    Para que ele atue nos cuidados com os olhos, é fundamental que os óculos escuros tenham proteção UV e o paciente use sempre que necessário. “Não precisa usar 24 horas por dia, mas precisa colocar em ambientes com muita luminosidade. Nos horários do nascer e do pôr do sol, se torna ainda mais importante, pois a luz vem de encontro aos olhos de maneira perpendicular, atingindo ainda mais a visão”, alertou Dr. Caetano.

     

    1. Dê uma pausa no uso do celular e do computador

     

    O uso excessivo de telas, como celular, computador e televisão, faz muito mal para a saúde ocular. Dr. Caetano explica as consequências disso: “Existem estudos mostrando que esse hábito, cada vez mais frequente, pode estar relacionado ao aumento da incidência de miopia, por exemplo. Não sabemos até que ponto é a luminosidade da tela ou se por usar a tela tão de perto e por tanto tempo, principalmente para crianças”.

     

    Quanto mais nova a criança, menos tempo devemos deixá-las em frente às telas. “Sem falar que o excesso de celular e televisão pode deixar os pequenos mais sedentários e o exercício físico ao livre é muito importante para a saúde dos olhos e dos demais órgãos”, garantiu o especialista.

     

    1. Evite coçar os olhos

     

    Coçar os olhos pode parecer um hábito inofensivo, mas a verdade é que esse gesto pode trazer uma porção de prejuízos à saúde ocular. De acordo com a Biblioteca Virtual em Saúde, esfregar o olho aumenta as chances de deslocar a retina ou de desenvolver ceratocone, doença ocular que causa alterações na córnea, deixando a visão distorcida. 

     

    Se você é alérgico, passa muito tempo em frente ao computador ou frequenta ambientes com ar-condicionado, vale consultar um oftalmologista para a indicação de um colírio ou outras medidas capazes de ajudar a aliviar a coceira.

     

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes