Meditação: por que esse hábito pode ajudar no controle da ansiedade?


  • +A
  • -A
Imagem do post Meditação: por que esse hábito pode ajudar no controle da ansiedade?

A ansiedade é uma sensação que está presente no dia a dia e surge diante de uma situação nova, inesperada ou capaz de provocar certo incômodo. Segundo os especialistas, se sentir ansioso é normal, desde que não atrapalhe as atividades cotidianas nem prejudique o bem-estar. Quando isto acontece, a ansiedade deve ser tratada e a meditação é um dos hábitos que podem ajudar.

Meditação pode reduzir sintomas de transtornos de ansiedade


De acordo com a psiquiatra Paula Alves, a meditação pode facilitar o controle dos diversos transtornos de ansiedade. “Com as técnicas adequadas, a
meditação pode promover um estado de relaxamento e possibilitar um melhor controle da respiração, melhorando, assim, os sintomas de ansiedade”, afirma a profissional.

O hábito de meditar é uma forma de evitar pensamentos, medos e preocupações que favorecem uma piora da ansiedade. O que a meditação faz é estimular a concentração, acalmar o corpo e afastar diversos aspectos negativos da rotina. Assim, quando um problema se aproximar, o praticante conseguirá enfrentá-lo, pensando racionalmente.

Pesquisa aponta que meditar diminui estresse e falta de atenção


Além disso, segundo uma pesquisa divulgada em 2014 na revista científica Journal of the American Medical Association (Jama), no longo prazo, a meditação é capaz de reduzir a produção de adrenalina e cortisol, ligados ao estresse, à falta de atenção e aos distúrbios de ansiedade, e de aumentar a quantidade de endorfina, associada à felicidade. Os efeitos foram vistos tanto durante a prática quanto depois e
beneficiam pacientes com outros transtornos psiquiátricos.

No entanto, para a psiquiatra, a meditação deve ser feita sempre com o auxílio de um profissional e deve estar associada a outras formas de tratamento. “A meditação é um método complementar. Os tratamentos de primeira escolha para ansiedade são medidas farmacológicas e psicoterapia. Mudanças no estilo de vida, exercícios físicos e higiene do sono podem amenizar os sintomas”, informa a profissional.

Dra. Paula Alves é psiquiatra, formada em Medicina pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e atende no Rio de Janeiro. CRM-RJ: 52-98519-8

Foto: Shutterstock

TAGS
ansiedade
psicologico

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Meditação: por que esse hábito pode ajudar no controle da ansiedade?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.