Quando devemos nos preocupar com a queda de cabelo?


  • +A
  • -A

A queda de cabelo em si é um processo natural que acontece com todas as pessoas, tendo em vista que diariamente inúmeros fios caem do couro cabeludo. A queda será considerada preocupante quando alguma condição específica provocar a fragilização e queda dos fios sem reposição, tornando o cabelo ralo ou gerando pontos com ausência de fios, como na calvície.  

Queda de cabelo deve ser avaliada de acordo com a causa


“As causas de queda capilar são diversas e podem variar significativamente quanto ao prognóstico (evolução), opções de tratamento e resposta ao tratamento. Por isso, deve-se sempre buscar aconselhamento profissional adequado logo no início do quadro a fim de definir qual o
motivo da sua queda capilar e quais são as recomendações específicas para o seu caso”, orienta a dermatologista Karina Lopes.

Os fatores que contribuem para a queda de cabelo podem variar desde alteração do ciclo capilar com resolução espontânea, até doenças do couro cabeludo capazes de gerar cicatriz e perda irreversível de cabelos. Diante disso, a principal preocupação que deve-se ter em mente é identificar a causa e buscar o diagnóstico correto. “Somente após avaliação especializada seremos capazes de identificar os casos que necessitem de tratamentos precoces e específico, qualquer que seja a idade do paciente”.

Preocupação com a calvície pode começar cedo


Em relação à calvície, especificamente, que acomete grande parte dos homens, sabe-se que o acometimento pode surgir cedo, logo na juventude, então a
preocupação com a queda de cabelo pode surgir em fases variadas. Independentemente de quando se inicia o quadro, quanto mais precoce for instituído o tratamento, maior será o seu impacto em reduzir a progressão da queda.

“Atualmente dispomos de uma ampla gama de tratamentos para a calvície masculina, e  mesmo pacientes após os 30 anos podem ter grandes benefícios. É importante salientar, no entanto, que os tratamentos da calvície devem ser mantidos a longo prazo e sempre com o acompanhamento de um dermatologista capacitado para tal seguimento”.  

Dra. Karina Lopes é médica formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), graduada em dermatologia pela  Universidade de São Paulo (USP) e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). CRM: 157665

Foto: Shutterstock

TAGS
cabelos
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

5 comentários para "Quando devemos nos preocupar com a queda de cabelo?"

Solange Aparecida Bassoli Dias

Boa noite gostaria de cadastrar o PANT para o programa desconto.

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Solange, o produto Pant participa do Programa Cuidados pela Vida e após realização do cadastro poderá ser adquirido em qualquer farmácia credenciada ao Programa. O cadastro é simples e rápido e pode ser realizado em nosso site, no aplicativo disponível para IOS e Android ou em nossa central de atendimento 0800 777 8432, de segunda a sexta-feira das 7h20 às 20h00. Abraços.

Alexandre Monteiro dos Santos

Tenho alopesia e não estou conseguindo controlar a queda..passo medicamentos bebo medicamentos e as falhas continuam.

Rosangela Mello

Estou com queda capilar bem acentuada chegando cair mechas de cabelo quando lavo: fiz vários uso de medicamentos com prescrição médica porém sem êxito. Os exames de sangue dão bons, por último a Dra. prescreveu Pant rsrs e piorou a queda! Usei muitos anos produtos químicos como botoX porém quando iniciei o tratamento parei a um ano, e os cabelos continuam caindo. O que fazer?

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Rosangela, conforme informa a bula do medicamento: Pant é indicado no tratamento da alopecia androgênica (calvície hereditária) em homens adultos. Na queda de cabelo há causas genéticas, hormonais, envelhecimento, doenças autoimunes, pós-parto, medicações, estresse etc. Converse com a médica que te acompanha para que ela continue te orientando. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.