search
Título

Você sabia que é recomendado um gargarejo logo após usar inaladores?

Uncategorized

Por

Quem sofre com alguma doença respiratória, como asma ou DPOC, sabe o quanto os sintomas podem se tornar incômodos, principalmente quando o tempo está seco. Se você foi diagnosticado com algum desses problemas, saiba que é possível aliviar os sintomas com o uso de inaladores. Mas, depois, não se esqueça de higienizar bem a boca com água, ou até mesmo escovar os dentes, para tirar os resíduos da medicação das vias orais!

Inaladores levam a medicação rapidamente aos brônquios


“Inaladores são aparelhos que servem para fazer inalação e podem administrar os remédios na forma de spray, em pó, névoa ou por nebulização”, afirma o pneumologista Mauro Gomes. Você pode recorrer a estes aparelhos para levar a medicação de forma mais rápida aos seus brônquios, estruturas frequentemente atingidas pelas doenças respiratórias.

Os inaladores podem utilizar medicamentos broncodilatadores, que relaxam os brônquios e facilitam a passagem de ar, ou corticosteroides. Caso seu médico tenha indicado a segunda classe de medicações, faça um bochecho e gargarejo após usar o aparelho. “Quando os medicamentos são à base de corticoide, é importante fazer a higienização da boca com água após o uso para eliminar os resíduos”, explica o especialista. 

Saiba como funcionam os inaladores


Existem dois
tipos principais de inaladores. O convencional, ao ser ligado, permite a passagem de ar em alta velocidade pelos pequenos buracos do micronebulizador que vem acoplado, formando uma névoa com a medicação que você deverá inalar. O outro tipo é o inalador ultrassônico, que não faz barulho. Este aparelho produz vibrações mecânicas a partir da energia elétrica, gerando a névoa que deverá ser inalada.
Independentemente do tipo que você escolher, os inaladores ajudam a aliviar a falta de ar e a tosse e, como consequência, diminuem o cansaço e os batimentos cardíacos acelerados. Estes equipamentos devem ser utilizados de acordo com aconselhamento médico. Não deixe de ir a um pneumologista para avaliar todas as possibilidades, assim como descobrir outras medidas capazes de amenizar os sintomas e prevenir crises, como livrar a casa de mofo, ácaros e poeira.  
Foto: Shutterstock

Newsletter
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes