AchèAchè
    search
    Título

    Rosácea: o que é, quais são as causas, tratamentos e prevenção dessa doença de pele?

    Cuidados com a pele
    Pele e Beleza

    Por Dra. Elizabeth Senra

    4 de abril de 2023

    Manchas vermelhas na pele, sensação de calor e coceira, principalmente na região do rosto: esses são alguns sintomas da rosácea, doença vascular inflamatória e crônica que atinge cerca de 10% da população brasileira. Tem muita gente que carrega essa condição e nem faz ideia – ou até mesmo sabe, mas tem uma série de dúvidas sobre o assunto. 

    Rosácea tem cura? É possível prevenir essas manchas vermelhas na pele? Qual é o melhor tratamento? Para esclarecer essas questões e alertar sobre a conscientização da rosácea, o Cuidados Pela Vida conversou com a dermatologista Elizabeth Senra, que contou detalhes sobre causas, sintomas e indicações de terapia para essa doença. Confira!

    O que é rosácea? Entenda mais sobre essa doença de pele

     

    A rosácea é uma doença ligada ao sistema vascular, de caráter inflamatório e sem cura. “Ela tem períodos de remissões e exacerbações e, em muitos casos, é chamada erroneamente de acne rosácea devido aos aspectos clínicos semelhantes entre as duas”, afirma a médica. Essa condição afeta entre 1,5% e 10% da população, atingindo principalmente os adultos de 30 a 50 anos. “As mulheres são mais afetadas, porém muitos homens apresentam esse quadro, que tende a ser mais grave, evoluindo para a rinofima – doença que causa o aumento gradual do nariz”, alerta a especialista.

    Quais são as causas da rosácea?

     

    As causas da rosácea ainda são bem desconhecidas, mas a dermatologista aponta dois cenários, baseados em estudos científicos, que podem levar à doença:

    1) Predisposição individual – mais comum em brancos e descendentes de europeus;

    2) genética – já que 30% dos casos têm um histórico familiar.

    Além disso, Dra. Elizabeth completa: “Atualmente, sabemos que a rosácea pode ser desencadeada por forte influência de fatores psicológicos (estresse) e pela participação de um ácaro chamado demodex e da bactéria Bacillus oleronius, que fazem parte da flora normal da pele e em alguns indivíduos predispostos”. 

    É possível prevenir a rosácea?

     

    A dermatologista diz que não dá para prevenir a doença em si, mas que é possível amenizar os sintomas da rosácea mantendo uma rotina bem regrada: “Conseguimos fazer com que o paciente tenha um diário das pioras (e das remissões) relacionando isso às suas atividades diárias, como alimentação, estresse e outros fatores e, assim, organizar para que ele fique no período de remissão a maior parte do tempo”. 

    Mas de que maneira isso é feito? Evitando a ingestão de alimentos muito quentes e apimentados, tentando ao máximo não ingerir bebidas alcoólicas, fazendo sessões de terapia e adotando técnicas para aliviar o estresse ao longo do dia. Com essas atitudes bem simples, é possível manter o controle da rosácea.

    Rosácea tem cura? Conheça as formas de tratamento

     

    Por ser uma doença crônica, a especialista revela que a rosácea não tem cura, mas tranquiliza os portadores da condição, dizendo que existem várias opções de tratamento. Dentre eles, a dermatologista cita: 

    1) Afastar e controlar todos os agravantes ou desencadeantes dos sintomas, como bebidas alcoólicas, exposição solar, vento, frio e ingestão de alimentos quentes;

    2) dependendo do quadro clínico, o tratamento poderá envolver a limpeza do rosto com sabonete adequado para a pele sensível e o uso de um protetor solar com alta proteção contra UVA e UVB e com veículo adequado à pele do paciente;

    3) uso de antimicrobianos tópicos e antiparasitários; 

    4) uso oral de medicamentos para tratar a inflamação da pele; 

    5) no consultório, conseguimos ajudar de maneira mais assertiva, cuidando da pele com lasers, toxina botulínica e procedimentos injetáveis.

    Tags
    coceira
    manchas vermelhas
    rosácea
    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes