search
    Título

    Qual é o médico mais indicado para o tratamento da osteoartrite?

    Doenças dos Ossos

    Por

    A osteoartrite é uma doença que acomete os ossos e as articulações, e por isso o seu tratamento deve ser feito por profissionais especializados nessas partes do corpo. O tratamento é, geralmente, multifacetado e, por isso, não existe necessariamente um tipo de médico “mais indicado” para tratar a doença e algumas especialidades podem atuar no tratamento, como ortopedistas, clínicos gerais, geriatras e reumatologistas, ortopedistas clínicos gerais e geriatras

    Reumatologista é um profissional especializado em doenças nas articulações

     
    O reumatologista costuma ser o indicado para capitanear o tratamento. “O médico indicado para o tratamento clínico da osteoartrite é o reumatologista. Ele é o especialista que irá fazer o acompanhamento da doença, mas pode solicitar a interface/interconsulta de outras especialidades”, afirma a reumatologista Regina Von Kirchenheim. “Com um tratamento multidisciplinar, as especialidades conseguem uma melhor condução do caso do paciente”, acrescenta.
    Como a doença afeta muitos idosos, a geriatria é uma especialidade também muito importante no tratamento e acompanhamento desses pacientes. Já os ortopedistas podem ajudar muito, por muitas vezes ser o primeiro médico que o paciente procura, fazendo o diagnóstico e tratamento e encaminhando se necessário. Clínicos gerais também podem auxiliar na detecção da doença, já que os primeiros sintomas (dor, crepitação nas articulações, inchaço local) podem levar os pacientes para o pronto socorro, sem que eles saibam exatamente qual é o problema.
     

    Remédios ajudam a amenizar as dores provocadas pela osteoartrite


    Além do tratamento medicamentoso, que consiste em remédios para amenizar dores e capazes de
    retardar a degeneração da cartilagem, que são sintomas características do quadro, o paciente com osteoartrite deve adotar outras medidas que complementam esse tratamento, tanto na parte da alimentação quanto de atividade física.
    É essencial que o paciente busque ter uma alimentação balanceada, saudável e rica em nutrientes essenciais para os ossos, como o cálcio e a vitamina D, e para a saúde da cartilagem. Quando a dieta não dá conta de prover o nível necessário desses nutrientes, é interessante buscá-los em suplementos. A prática regular de atividade física também é importante para a integridade da estrutura osteoarticular, pois fortalecer a musculatura que a protege.  
    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes