AchèAchè
    search
    Título

    Qual a relação entre a imunidade e as crises de sinusite?

    Uncategorized

    Por

    Segundo o Ministério da Saúde, a sinusite ou rinossinusite é uma inflamação que atinge as cavidades ósseas da região do nariz, dos olhos e das maçãs do rosto, podendo causar, de acordo com o quadro, coriza, febre, tosse e dores. Acredita-se que uma das formas de evitar as crises de sinusite é mantendo a imunidade reforçada. Será que isso é verdade? Descubra!

    Infecções e alergias facilitam os crises de sinusite


    Alguns dos principais fatores relacionados ao surgimento de um quadro de sinusite são as alterações causadas por
    processos infecciosos ou alérgicos, que facilitam a instalação de micro-organismos que promovem a inflamação. Ter uma imunidade baixa deixa o corpo mais vulnerável à ação desses germes invasores, o que aumenta as chances de ter crises de sinusite.

    Os defeitos imunológicos podem se manifestar de várias formas. A ocorrência de infecções, principalmente de difícil controle, podem sugerir problemas com a resposta imune. Assim, a sinusite pode ocorrer. Mais comumente, as alergias estão associadas a estes quadros”, explica a imunologista Anete Grumach.

    Ter imunidade alta ajuda a evitar complicações da COVID-19


    É preciso, portanto, incluir na rotina algumas medidas para manter o sistema imunológico fortalecido, para assim, evitar as crises de sinusite e outras infecções do trato respiratório. Essas medidas ajudam também a manter o corpo mais preparado para se defender da
    infecção do novo coronavírus, a COVID-19.

    É recomendado praticar exercícios físicos de forma regular, priorizando aqueles que podem ser feitos sem sair de casa, como o yoga e o pilates, e também manter uma dieta equilibrada, optando por alimentos in natura, como frutas, legumes e verduras, e evitando ao máximo os industrializados. Vale lembrar que é fundamental não deixar de lado os cuidados com a saúde mental, uma vez que o estresse também pode enfraquecer a imunidade do organismo.


    Dados do Ministério da Saúde:
    https://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/235_sinusite.html

    Foto: Unsplash

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes