AchèAchè
    search
    Título

    Quais são as principais complicações do diabetes?

    Uncategorized

    Por

    O diabetes é uma doença que exige tratamento constante para controlar os níveis de glicose no sangue, já que estes, quando muito elevados, podem resultar em complicações sérias para a saúde. Para evitar esses riscos, basta seguir corretamente as recomendações médicas, tanto na parte de remédios quanto na de hábitos cotidianos saudáveis.

    Diabetes pode comprometer visão, atingir rins e dentes e causar infarto e AVC


    Do ponto de vista dos pequenos vasos sanguíneos do organismo, o paciente com diabetes que controla mal o quadro pode desenvolver doenças chamadas de microvasculares “As principais são a
    retinopatia (acometimento dos olhos), nefropatia (comprometimento dos rins) e neuropatia, que levará à complicação dos membros inferiores, com dor e risco de lesões que podem ocasionar amputação”, informa a endocrinologista Mariana Guerra.
    Já em relação às complicações de grandes vasos (doenças macrovasculares), entram em cena problemas como infarto e acidente vascular cerebral. Pode haver ainda infecções, já que o açúcar em excesso no sangue tende a deixar as defesas do organismo mais frágeis; problemas dentários, com inflamação na gengiva e risco de perda de dentes; e até mesmo impotência.

    Alimentação saudável e atividade física ajudam a controlar o diabetes


    O controle adequado da glicemia ajudará a diminuir os riscos dessas complicações todas ocorrerem. E para isso é fundamental colocar o paciente dentro das metas estabelecidas. “Deve haver uma mudança no estilo de vida do paciente,
    com boa alimentação e atividade física, associada a medicações adequadas e individualizadas pelo médico assistente”, afirma Mariana.
    Mesmo assim, um paciente que segue o tratamento adequado pode ainda ter complicações, pois outros fatores promovidos pelo diabetes, além do descontrole glicêmico e do tempo da doença, também contribuem para complicações. “A associação do diabetes com problemas como hipertensão arterial, obesidade e colesterol alto exemplificam isso”, acrescenta a médica.
    Dra. Mariana Guerra é endocrinologista, formada pela Escola de Medicina da Santa Casa de Misericórdia de Vitória (Emescam) e atua em Vitória (ES). CRM-ES: 7019
    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes