search
Título

O excesso de gases pode ser um sintoma da intolerância à lactose?

Saúde Gastrointestinal
Sintomas

Por Dr. Quelson Coelho Lisboa

19 de junho de 2017

A produção excessiva de gases pode se tornar algo bastante incômodo e, dependendo da situação, pode até mesmo ser constrangedor. Os gases são produzidos normalmente pelo organismo, mas em quantidades exageradas são capazes de se transformar em um problema para saúde, indicando erros na alimentação e intolerâncias, como à lactose.

Intolerância à lactose provoca dor, diarreia e náuseas


Segundo o gastroenterologista Quelson Coelho Lisboa, um dos sintomas mais comuns da intolerância à lactose é o excesso de gases intestinais: “Na intolerância à lactose, não se consegue digerir a lactose que é ingerida. Quando essa lactose chega não digerida no intestino ela é fermentada pelas bactérias intestinais. Essa fermentação gera muitos gases, principalmente de hidrogênio”.

O excesso de gases, no entanto, não é o único sintoma da intolerância à lactose. “Os sintomas mais frequentes são dor abdominal, diarreia, náuseas, vômitos e gases. Pode-se usar medicações que atacam os sintomas, como analgésicos para dor abdominal, antiemético para náuseas e simeticona para os gases”, explica o médico, que complementa dizendo que estas medidas são apenas paliativas.

 

 

 

Mudanças na alimentação ajudam a diminuir gases


Para realmente diminuir a quantidade de gases, é preciso mudar a dieta, de modo a retirar a lactose dos pratos consumidos e evitar outros alimentos conhecidos por aumentar a produção de gases, como feijão, ervilha, repolho e refrigerantes – uma nutricionista poderá auxiliá-lo nesta tarefa. Outras atitudes que ajudam são beber água durante a refeição e realizá-las com calma, mastigando bem a comida.

Dr. Quelson considera importante diferenciar a intolerância à lactose da alergia ao leite. “A alergia ao leite é, na verdade, alergia uma proteína presente no leite. Os bebês podem nascer com essa alergia e ter vários sintomas ao ingerir a bebida. O problema pode, com o tempo, ir diminuindo e a criança, já maior, consegue tomar o leite normalmente”, explica. Já a intolerância à lactose acontece, na maioria das vezes, na adolescência ou vida adulta, quando o intestino começa a diminuir a produção da enzima que digere a lactose.
Foto: Shutterstock

Newsletter
Tags
alimentação
diarreia
gases
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes