Endometriose: por que compressas quentes ajudam a diminuir a dor?

  • +A
  • -A

Apesar de afetar cerca de 10% das mulheres em idade reprodutiva, segundo a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), a endometriose ainda é uma doença que demora a ser diagnosticada, especialmente pelo fato de que seus sintomas são encarados como algo natural. Entretanto, é importante procurar um médico para receber o diagnóstico correto e aprender a aliviar e tratar as dores, por exemplo, com o uso de compressas quentes.

Compressas quentes relaxam os músculos e aliviam as cólicas da endometriose


“Compressas de água morna costumam diminuir a dor causada pela endometriose por meio da vasodilatação e do relaxamento muscular que elas promovem”, afirma a ginecologista e obstetra Elisabete Pinheiro. Por outro lado, as compressas de água fria não costumam ser indicadas para tratar as cólicas causadas pela endometriose.

De acordo com a médica, a dor pode se fazer presente em qualquer local do corpo feminino em que os focos do endométrio estiverem e que não seja a cavidade uterina. “A cada período menstrual, esse tecido que se encontra fora de seu ambiente adequado promove uma reação inflamatória, muitas vezes associada à dor”, explica a profissional.

Anti-inflamatórios podem ser úteis no tratamento da endometriose


As compressas quentes ou mornas, no entanto, não são a única forma de
amenizar a dor da endometriose. “Depende muito do estágio da doença, mas o uso de anti-inflamatórios, a prática de atividade física regular e dieta balanceada, evitando alimentos inflamatórios, também são medidas importantes para o alívio das cólicas”, destaca a especialista.

Dra. Elisabete lembra ainda que existem casos de endometriose que podem não estar associados à dor, mas que causam sintomas prejudiciais e também requerem atenção. É o caso, por exemplo, da endometriose pulmonar, que pode provocar dificuldade para respirar. O problema deverá ser tratado com medicações ou procedimentos cirúrgicos a partir da avaliação de um ginecologista.

Dados da Febrasgo: https://www.febrasgo.org.br/pt/noticias/item/126-endometriose-e-fiv

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Elisabete Pinheiro

Dra. Elisabete Pinheiro

Ginecologia e Obstetrícia

CRM: 52730599 / RJ

TAGS
endometriose

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Endometriose: por que compressas quentes ajudam a diminuir a dor?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.