Por que pacientes com asma e DPOC relatam sentir muito cansaço?


  • +A
  • -A
Imagem do post Por que pacientes com asma e DPOC relatam sentir muito cansaço?

A asma e a DPOC são doenças respiratórias crônicas capazes de comprometer a realização de atividades do dia a dia e, assim, de mudar a rotina de seus portadores. Os dois problemas apresentam, entre outras características, um aspecto em comum: são doenças que dificultam a passagem do ar e sua chegada até os pulmões, atrapalhando a respiração.

Cansaço é consequência da falta de ar

 

Entre os sintomas que a asma e a DPOC podem provocar estão tosse, chiado no peito e falta de ar. É bastante comum ainda pacientes relatarem muito cansaço aos médicos. “Esses portadores têm falta de ar, ou seja, dificuldade para respirar devido ao mau desempenho da musculatura respiratória”, explica o pneumologista. A falta de oxigenação atrapalha a liberação de energia para o corpo, o que acaba levando ao cansaço.

De acordo com o profissional, a asma é uma doença inflamatória que se inicia frequentemente na infância e pode ser revertida. “Depois de uma crise, mesmo intensa, com medicação e se afastando do fator desencadeante, o asmático pode ficar assintomático”, conta o especialista. Entre os fatores que dão início aos sintomas estão poeira, poluição, mofo, ácaros, pólen e pêlos de animais.

O cigarro é a principal causa da DPOC

 

A DPOC, por outro lado, é caracterizada por alterações progressivas e somente parcialmente recuperáveis. Em geral, ocorre devido à inalação de gases tóxicos, principalmente vindos do cigarro. A principal medida de tratamento para o problema é parar de fumar para impedir a evolução da doença.

Caso um paciente com asma ou DPOC não esteja se sentindo bem, ele pode utilizar os chamados broncodilatadores. “Os broncodilatadores têm efeito em minutos no alívio da tosse da falta de ar”, afirma o médico. Eles servem para relaxar a musculatura do aparelho respiratório e permitir a passagem de ar, mas não devem ser utilizados como único tratamento. Consumir os medicamentos prescritos, viver em ambientes limpos e sem cigarro e se manter vacinado são atitudes primordiais.

Dr. Ciro Kirchenchtejn é pneumologista formado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e atua no Hospital Alemão Oswaldo Cruz em São Paulo. CRM-SP 50579

Foto: Shutterstock

TAGS
dpoc
respiracao

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

5 comentários para "Por que pacientes com asma e DPOC relatam sentir muito cansaço?"

jose domingues

gostei da di ca muito bom

Rita Oliveira

Tenho asma grave, faço tratamento e uso contínuo de spiriva,alenia, salbutamol, montelucaste, omeprazol e agora estou tomando além disso tudo, prednisona, amitriptilina, paracetamol. Estive internada em observação por 3 dias, faz duas semanas, desde então não consigo ficar muito tempo em pé, sinto muito cansaço e dores nas costas e no peito. Estou passando também no reumatologista para investigar o que mais pode ser.Nunca tive uma crise tão forte como esta última, precisei ficar no respirador. Usei o omalizumabe por 4 anos e tive bons resultados, voltei a trabalhar e pensei estar curada. Agora o médico prescreveu novamente o omalizumabe, mas não consegui ainda no ministério público.É normal ficar tão exausta assim ? Tenho 46 anos,sofro com isso desde os 3 anos de idade. Não consigo entender o porquê de depois de quase seis anos ter tido uma crise tão forte que eu cheguei a pensar que não ia conseguir…

Cuidados Pela Vida

Olá Rita, a falta de oxigenação atrapalha a liberação de energia para o corpo, o que acaba levando ao cansaço. Esse sintoma tende a desaparecer após o controle da crise. Continue com o tratamento e acompanhamento com o especialista. Melhoras.

Elaine Araujo

Oi meu nome é Elaine Meu filho tem dois aninhos Ele tem muita facilidade de cansar N pode ter uma gripe ou tossir um pouco q já cansa Isso pode ser asma?

Cuidados Pela Vida

Olá Elaine, é complicado diagnosticar o seu filho apenas com essas informações. É necessário realizar avaliação com o médico para que ele possa realizar o diagnóstico e, caso seja necessário, prescrever um tratamento. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.