AchèAchè
    search
    Título

    Por que a pele perde elasticidade com o tempo?

    Uncategorized

    Por

    A perda de elasticidade da pele é um sintoma marcante do envelhecimento. Não há como evitar isso, pois trata-se de um processo natural. Contudo, é possível prolongar a jovialidade da pele com cuidados constantes – seja pelo uso de produtos específicos ou por meio de hábitos de vida saudáveis.  

    Motivos para a perda de elasticidade gradativa da pele


    “A nossa
    pele vai perdendo elasticidade com o tempo por uma série de fatores. Por exemplo, há uma diminuição de fibras de colágeno, elastina e ácido hialurônico, componentes principais da derme, a qual é responsável pelo tônus e elasticidade cutânea”, explica a dermatologista Alexandra Bononi. 

    Segundo a especialista, também ocorre, com o passar do tempo, uma diminuição na oleosidade e circulação sanguínea na pele que contribui para a deterioração do órgão. “Essa diminuição compromete a chegada de oxigênio e nutrientes para o bom funcionamento das células”, afirma a médica.  

    Por mais que esta perda de colágeno (principal fibra de sustentação da pele) seja intrínseca ao envelhecimento, ela pode ser acelerada por fatores externos, como tabagismo, exposição intensa ao sol, má alimentação, estresse, sono ruim, poluição e excesso de álcool. “Começamos a perder colágeno a partir dos 20 anos de idade. Aos 40 anos, já perdemos cerca de 30% do colágeno que tínhamos. Para as mulheres, esta perda tende a ser bem brusca a partir da menopausa”, informa Bononi.

    Opções para prolongar a jovialidade da pele


    Portanto, para prolongar a elasticidade da pele e
    diminuir rugas e flacidez, é preciso, em primeiro lugar, evitar os fatores que aceleram o envelhecimento. Depois, deve-se apostar em cuidados com a pele em casa, com uso de filtro solar, hidratantes e cremes antioxidantes e que estimulam o colágeno, além de boa limpeza da pele. “Peelings, lasers, microagulhamento, ultrassom microfocado, bioestimuladores e radiofrequência também são excelentes ferramentas nesse contexto”, acrescenta a médica.

     

    Foto: Shutterstock

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes