AchèAchè
    search
    Título

    Pele oleosa: Lavar demais a pele pode piorar o quadro?

    Uncategorized

    Por

    A pele oleosa tem um aspecto mais brilhante e espesso, com poros mais dilatados e maior tendência ao surgimento de cravos e espinhas. A produção excessiva de oleosidade costuma causar grandes incômodos e até afetar a autoestima e, por isso, é comum que muitas pessoas lavem a pele para amenizar o problema. Será que lavá-la demais pode piorar o quadro?

    Lavar a pele excessivamente pode aumentar a oleosidade

     

    De acordo com a dermatologista Vanessa Kodani, a oleosidade produzida pela pele funciona como uma barreira de proteção natural do organismo. Lavar demais a região para removê-la pode acabar agravando o quadro. “Retirar a oleosidade com uso excessivo de sabonetes, além de não tratar, pode piorar, pois o corpo entende que está ficando sem sua proteção e produz mais”, explica a especialista.

    Trata-se do efeito rebote. Lavagens excessivas e o uso de ácidos e de sabonetes comuns podem alterar o pH da pele e remover a barreira de hidratação cutânea, deixando-a mais seca e vulnerável a agressores externos que podem causar doenças, como os fungos e bactérias. Por isso, é fundamental procurar a ajuda de um dermatologista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

    Fatores que ajudam a deixar a pele oleosa

     

    Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), herança genética, alterações hormonais e exposição solar são fatores que provocam a produção excessiva de sebo. Dra. Vanessa afirma ainda que alguns hábitos de vida podem contribuir para deixar a pele oleosa: “A oleosidade em excesso significa também má qualidade de vida, como alimentação inadequada, falta de exercício, estresse e ansiedade”.

    A fim de evitar que o problema se agrave, pessoas com tendência a ter pele oleosa podem reduzir o consumo de alimentos industrializados, com alto teor de gordura ou açúcar, e substituí-los por uma alimentação mais leve, à base de verduras, legumes e frutas. É recomendado também ter uma rotina regular de exercícios físicos e usar produtos específicos para o seu tipo de pele.

     

    Dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD): https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/cuidados/tipos-de-pele/ 

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes