AchèAchè
    search
    Título

    O calor atrapalha o tratamento contra varizes?

    Uncategorized

    Por

    O calor não é, necessariamente, um entrave para o tratamento das varizes, mas ele propicia a intensificação dos sintomas do quadro. Vale ressaltar que as varizes dos membros inferiores são, de acordo com a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, veias superficiais anormais, cilíndricas ou saculares, tortuosas, alongadas e dilatadas, sendo que o calor também contribui para a dilatação das veias

    No calor há maior acúmulo de sangue nas pernas


    “O calor não prejudica o tratamento das varizes. O que ocorre é que no calor os sintomas causados pelas varizes, normalmente, pioram. Em períodos de alta temperatura, as veias de nosso corpo se dilatam. Este mecanismo é normal e ocorre para que nosso corpo perca temperatura e se adapte ao clima mais quente. Com isto, ocorre maior acúmulo de sangue nas pernas, o que intensifica os sintomas dos pacientes com varizes”, explica o angiologista Rodrigo Fukushima. 

    Ainda segundo o especialista, não é por acaso, portanto, que os pacientes com varizes dos membros inferiores costumam se queixar de piora da dor, peso, cansaço, inchaço, câimbras e outros sintomas nos períodos mais quentes do ano. Mesmo assim, quando o paciente está com o tratamento em andamento, feito de forma adequada, as chances de sofrer no calor com os sintomas das varizes diminuem bastante.

    Principais medidas de tratamento


    Como se trata de um problema crônico, o paciente deverá seguir um tratamento continuado, sem prazo para acabar. Somente dessa forma ele poderá viver sem os incômodos associados ao quadro. O tratamento contra varizes engloba algumas medidas, mas o uso de medicamento específico é a base do processo, pois essa é a forma mais efetiva de
    melhorar a circulação sanguínea e, consequentemente, os sintomas.   
    “Os tratamentos para as varizes podem ser realizados independente da época do ano e da temperatura ambiente. Isso vale para os tratamentos com medicamentos, com uso de meias de compressão, prática de atividades físicas e fortalecimento muscular, etc. Até os tratamentos com escleroterapia, laser, espuma e cirurgia podem ser realizados em períodos mais quentes, sem prejuízo para seus resultados”, conclui Fukushima.
     
    Dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular:
    https://www.sbacv.org.br/artigos/medicos/varizes

     

    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes