search
Título

Mudanças bruscas na alimentação de uma criança podem atrapalhar a imunidade?

Cuidados e Bem-estar
Saúde Infantil

Por

O cuidado com a alimentação é sempre importante, independente da idade, mas na infância isso é ainda mais relevante, pois se trata de um período de desenvolvimento da imunidade e do organismo como um todo. Sendo assim, é responsabilidade dos pais garantir que seus filhos tenham uma alimentação adequada, tendo como base as recomendações de um profissional especializado no assunto.

Relação entre mudanças na alimentação e imunidade


Quando a criança experimenta uma mudança brusca em seus hábitos alimentares, a tendência é que haja uma reação negativa, por conta do processo de adaptação do organismo à nova realidade, o que pode resultar na piora da imunidade. Até mesmo a mudança para um padrão alimentar melhor pode ser complicada, quando realizada de forma brusca. 

“Mudanças bruscas na alimentação ‘não são adequadas para qualquer idade. Um exemplo são aquelas dietas que a pessoa emagrece vários quilos em uma semana. É difícil a imunidade segurar uma alteração dos nutrientes que são absorvidos. O ideal é sempre consultar seu pediatra, nutrólogo e nutricionista para organizar uma dieta balanceada, rica nos nutrientes que se precisa”, informa a pediatra Fabiane Durão. 
Ainda segundo a médica, a alimentação rica em açúcares e gorduras, muito encontrada nos alimentos ultraprocessados, se destaca dentre aquelas que mais prejudicam a saúde, pois é pobre em micronutrientes e vitaminas necessárias para a manutenção da imunidade. Vale acrescentar que os alimentos ultraprocessados são aqueles em que há muitos ingredientes juntos, principalmente sal, açúcar, corantes e conservantes artificiais.

Tratamento para reforçar defesas dos pequenos


Caso a
criança tenha uma alimentação adequada, rica em diversos nutrientes, e também mantenha em sua rotina outros hábitos saudáveis, mas mesmo assim apresente algum tipo de deficiência imunológica, é necessário que os pais investiguem o problema o quanto antes. Em algumas situações, o médico pode indicar medicamentos para estimular as defesas do organismo, diminuindo, assim, o risco de infecções comuns da infância.

 

Foto: Shutterstock

Newsletter
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes