AchèAchè
    search
    Título

    Existem fatores que podem desencadear a puberdade precoce?

    Cuidados e Bem-estar
    Saúde Infantil

    Por

    A puberdade precoce é um transtorno que pode ser desencadeado pela influência de alguns fatores. O quadro exige tratamento específico de acordo com a causa. Quanto antes for feito o diagnóstico e iniciado o tratamento, maiores as chances de sucesso do mesmo.

    Fatores de risco da puberdade precoce


    “Os
    fatores que podem desencadear a puberdade precoce podem ser genéticos, história familiar de puberdade precoce, exposição a algum hormônio (externo ou que o paciente esteja produzindo devido a tumores, por exemplo). Os chamados desreguladores endócrinos também podem levar uma criança a apresentar puberdade precoce”, informa a pediatra endocrinologista Fernanda André.

    Segundo a especialista, os desreguladores endócrinos são substâncias que podem estar presentes, por exemplo, em agrotóxicos e plásticos com bisfenol A. “Estas substâncias agem dentro do organismo alterando a função de um hormônio”, explica a médica. A doença só poderá, portanto, ser prevenida quando provocada por esses fatores externos, que não são transferidos naturalmente pelos genes. 

    “Vale ressaltar ainda que a puberdade também pode surgir mais cedo em meninas com obesidade e naquelas cujas mães menstruaram mais cedo que o normal, ainda quando crianças. Além disso, os pequenos que nascem com baixo peso podem ter maior risco de desenvolver puberdade precoce”, acrescenta a profissional.

    Principais sintomas


    Mais especificamente, a puberdade precoce é definida pelo surgimento de sinais de maturação sexual antes dos 8 anos de idade, nas meninas, e, nos meninos, antes dos 9 anos de idade.
    Os sintomas mais comuns são desenvolvimento de mamas e pelos pubianos (meninas) e desenvolvimento dos testículos e pênis, no caso dos meninos.   

     

    Foto: Getty Images

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes