A alimentação pode influenciar o herpes?

  • +A
  • -A

Uma dieta de qualidade, rica em nutrientes importantes, tem um papel fundamental tanto para a saúde em geral como para o tratamento do herpes. É por meio dos alimentos que o nosso corpo recebe a maior parte dos nutrientes de que necessita para fortalecer o sistema imunológico, e o vírus se aproveita justamente de momentos de baixa imunidade para se reativar.

Um desses nutrientes importantes é um aminoácido chamado lisina, que inibe indiretamente a replicação do vírus HSV (herpes simples), causador do herpes, e acaba contribuindo tanto para o tratamento como para a prevenção de novas crises. Isso acontece porque ele compete com a arginina, um aminoácido vital para a replicação desse vírus.

A maioria das pessoas consome quantidades adequadas de lisina por meio da dieta, estando ela presente em altos níveis em alimentos como:

 ovos,

– carnes,

– peixes,

– frangos,

– legumes,

– queijos,

– leite.

Além da dieta, é possível encontrar a lisina em alguns suplementos alimentares e em medicamentos. A principal indicação do tratamento medicamentoso com esse aminoácido é a prevenção de lesões em pessoas com crises recorrentes de herpes. Ele pode tanto ajudar a reduzir a duração e a frequência das crises, como a diminuir os sintomas. O medicamento costuma ser administrado por períodos mais longos para prevenção de novas crises. Procure seu médico para mais informações.

Além de manter uma alimentação rica em lisina, para prevenir as crises é preciso também evitar alimentos ricos em arginina, como:

– amendoins,

– nozes,

– castanhas,

– chocolate,

– gelatina,

– castanha de caju,

– milho,

– semente de tomate,

– semente de girassol,

– coco,

– aveia.

 Como já falamos, a arginina pode agravar o herpes por ser utilizado pelo vírus na hora de sua replicação.

Além dos itens ricos em lisina, para ter uma boa imunidade privilegie alimentos frescos e saudáveis  ̶  como legumes, verduras e frutas  ̶  e reduza ao máximo a quantidade de refrigerantes, comidas prontas muito gordurosas e a ingestão excessiva de açúcares. É importante lembrar que a falta de vitaminas e ferro também atrapalha a imunidade.

Fontes:

Cuidados pela Vida. Quais medidas podem ajudar a suprimir as manifestações do herpes? Disponível em: https://cuidadospelavida.com.br/pele-e-beleza/cuidados-com-a-pele/medidas-ajudar-suprimir-herpes. Acesso em 29 de ago. 2018.

Cuidados pela Vida. É verdade que o chocolate pode piorar a herpes? Uma nutricionista tira todas as suas dúvidas. https://cuidadospelavida.com.br/cuidados-e-bem-estar/alimentacao/e-verdade-que-o-chocolate-pode-piorar-herpes-uma-nutricionista-tira-todas-as-suas-duvidas. Acesso em 29 de ago. 2018.

Cuidados pela Vida. Lisina: como age essa substância, usada no tratamento e controle do herpes? Disponível em: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/herpes/lisina-tratamento-controle-herpes. Acesso em 29 de ago. 2018.

Cuidados pela Vida. Seu filho está com o organismo forte? Alimentação pode turbinar a imunidade. Disponível em: https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/baixa-imunidade/organismo-forte-alimentacao-imunidade. Acesso em 29 de ago. 2018.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Anália Viana

Anália Viana

Dermatologia

CRM: CRM 52906654 / RJ

TAGS
alimentacao
herpes
baixa-imunidade
problemas-de-pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "A alimentação pode influenciar o herpes?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.