Magnésio: Saiba a importância dessa substância para a saúde dos ossos


  • +A
  • -A

Ossos fortes são sinônimo de uma dieta rica em cálcio e de um bom aproveitamento desse nutriente. Mas, apesar de ser fundamental para a saúde do corpo e para a qualidade de vida, o cálcio não é a única substância importante para a formação e a manutenção do esqueleto humano. O magnésio, um mineral presente em diversas frutas, legumes e peixes, também é extremamente importante para a saúde dos ossos.

Magnésio é importante para a formação dos ossos


“O magnésio realiza diversas funções na constituição óssea e uma delas é ser o parceiro perfeito para a incorporação do cálcio nos ossos. Eles ‘trabalham’ em sinergia”, afirma a nutricionista Carla Cotta. Enquanto o cálcio é encontrado principalmente no leite e nos produtos derivados, o magnésio está presente em uvas, bananas, abacates, peixes e batatas e, assim como o cálcio, em vegetais de folhas verde-escuras.

Quem não consome a substância em quantidades adequadas pode enfrentar problemas, como o rápido enfraquecimento dos ossos. Como forma de compensar essa falta, alguns nutricionistas podem recomendar a suplementação, para evitar problemas na mineralização dos ossos.

Alimentos ricos em vitamina D, fosfato e silício também são fundamentais


Além do magnésio, outra substância importante é a vitamina D, que atua em conjunto com o fosfato no metabolismo de deposição de cálcio no esqueleto. A vitamina D, segundo a nutricionista, é essencial para a mineralização óssea e manutenção adequada de minerais circulando na corrente sanguínea. O silício é outra substância que faz parte da composição dos ossos.

Esses nutrientes também são adquiridos por meio da alimentação. “A vitamina D é encontrada em manteigas e alimentos de origem animal, como atum, sardinha, gema de ovo e fígado de boi, ou em vegetais, que também são fonte de vitamina D e muitos não sabem”, diz Carla. O fosfato está disponível em sementes, como de abóbora e girassol, e o silício no espinafre, vagem, pepino e aveia.

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Carla Cotta

Carla Cotta

Nutrição

CRM: CRN-4 02100097 / RJ

TAGS
alimentacao
calcio
ossos
osteoporose
vitamina-d

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

8 comentários para "Magnésio: Saiba a importância dessa substância para a saúde dos ossos"

Marta

Faço uso do Cloreto de Magnésio, mas como todo bem brasileiro, me automediquei e não sei se estou tomando a dose certa 🤷🏼‍♀️

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Marta, não aconselhamos a automedicação, sempre busque orientação médica para saber a dosagem correta e o tempo de tratamento. Até a próxima.

Sônia Mendes Pimentel

Gosto de assuntos relacionados à alimentação. Faço uso do cloreto de magnésio há alguns anos recomendado pelo meu médico homeopata, e minha alimentação é natural desde nova. Não como carne nenhuma, porém todas as folhas, leguminosas, arroz integral e às vezes ovos cozidos caipira. Obrigada pelas dicas. Sonia.

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Sônia, ficamos felizes em saber do seu empenho em manter uma alimentação equilibrada e saudável. Continue por aqui para ter acesso a mais informações relacionadas a alimentação. Até a próxima!

Telma teixeira de franca

Tenho osteoporose sinto muitas dores tomo cálcio devo tomar o magnesio?

CUIDADOS PELA VIDA

Olá, Telma. Conforme a nutricionista, o magnésio é encontrado em bananas, peixes, batatas, uvas, vegetais e também em folhas verde-escuras. Portanto, a senhora pode investir em uma alimentação que seja rica neste nutriente, mas, consulte o médico de confiança da Sra., para que ele faça uma avaliação e, caso seja necessário, ele irá prescrever a suplementação. Desejamos sucesso com o tratamento da Sra. Até mais!

Gostei das suas orientações. Ultimamente não uso produtos farmacêuticos. Sinto meus ossos muito fracos. Obg.

Gostei de tudo.

CUIDADOS PELA VIDA

Olá. Estamos contente que tenha gostado de nossa matéria. Investir em uma alimentação equilibrada, rica em cálcio e magnésio é importante para cuidar dos ossos, medidas simples, porém eficazes, devem ser seguidas ao longo de toda a vida. Não deixe de visitar regularmente seu médico de confiança, para rastreamento e prevenção. Continue conosco para mais matérias como essa. Abraços!

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.