search
    Título

    Por que pacientes com asma costumam sofrer de alergias respiratórias?

    Asma e Bronquite
    Sintomas

    Por

    A asma é uma doença caracterizada pela inflamação dos brônquios, pela maior produção de muco e pela dificuldade de respirar. O problema, na maioria dos casos, é uma reação alérgica diante da exposição a substâncias, como ácaros, poeira e poluição ambiental. “Trata-se de uma doença multifatorial e seu aparecimento depende de uma complexa interação entre exposições ambientais, agentes infecciosos e genética”, explica a pneumologista Luiza Helena Degani Costa.

    Paciente com asma pode ter várias alergias


    Além da asma, alguns pacientes também podem sofrer com o aparecimento de outras alergias respiratórias, já que a reação do corpo é muito semelhante. Diante da invasão de uma substância alergênica, o organismo fabrica elementos para combatê-la que acabam produzindo inflamações e outras reações em certas áreas do corpo.

    A rinite alérgica é uma das doenças que podem surgir junto à asma. “Assim como a rinite, a maioria dos quadros de asma tem um componente alérgico. É muito comum pessoas com asma terem rinite também e, nesse caso, o tratamento da rinite é indispensável para controlar a asma”, afirma a médica. Ela ressalta que, se não for tratada, a rinite pode provocar a descompensação da asma.

    Diferenciando asma e rinite


    Os dois problemas de saúde apresentam algumas diferenças nos sintomas. A rinite se manifesta por meio da coriza, espirros frequentes, tosses eventuais e coceira no nariz, no olho e na garganta. Por outro lado, os sintomas da asma costumam ser tosse, falta de ar, e chiado e dores no peito. Muitas vezes, as duas doenças podem ser desencadeadas pelos mesmos alérgenos.

    A prevenção da asma passa por evitar a exposição aos elementos capazes de provocar reações alérgicas no corpo. “Recomenda-se que o paciente evite a inalação de agentes químicos, como os de produtos de limpeza, vacine-se anualmente contra a gripe e mantenha a casa limpa e sem pó”, aconselha Luiza Helena. Trocar os colchões a cada cinco anos e limpar constantemente cortinas, tapetes e carpetes também são medidas importantes.

    Newsletter
    Tags
    asma
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes