search
    Título

    O tratamento medicamentoso contra varizes é eficiente mesmo em quadros severos da doença?

    Uncategorized

    Por

    O tratamento medicamentoso contra varizes é indicado em diversos estágios da doença e funciona em todos. A resposta ao tratamento em situações severas tende a ser mais demorada e difícil do que nas brandas, mas pode ser obtida. Ainda mais quando o paciente segue à risca todas as orientações recomendadas pelo médico especialista que o acompanha.   

    Ação do tratamento medicamentoso contra varizes


    “O tratamento medicamentoso é eficaz no
    alívio dos sintomas causados pelas varizes em todas as fases da doença. As medicações atuam aumentando o tônus da parede das veias, de modo a otimizar o fluxo sanguíneo, e também como anti-inflamatórios. Dessa forma, têm o potencial de melhorar a circulação e aliviar os sintomas”, explica o angiologista Rodrigo Fukushima. 
    Segundo o especialista, alguns medicamentos tópicos têm ação para redução dos hematomas e para resfriamento da pele, proporcionando conforto e alívio da queimação nas pernas. Por mais que não sejam protagonistas, as medidas paliativas (que atuam apenas nos sintomas) têm seu valor, pois complementam o tratamento e tornam o processo menos incômodo para o paciente. 
    “Apesar dos medicamentos não eliminarem as varizes, eles são utilizados para aliviar sintomas de peso, edema, cansaço e queimação nos membros inferiores. Os medicamentos podem ser orais ou tópicos, ambos com o mesmo objetivo. Porém, reforço que tais medicamentos não eliminam as varizes em si”, afirma Fukushima. Caso o tratamento medicamentoso seja interrompido, os sintomas tendem a retornar.

    Outros cuidados para prevenção e tratamento


    De acordo com informações veiculadas no portal da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV),
    são recomendados ao paciente com varizes ou com tendência a desenvolver o problema diversos cuidados, tais como: não fumar, não usar hormônios anticoncepcionais, não usar cintas abdominais e adotar uma dieta rica em fibras para evitar a constipação intestinal.  

     

    Dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV):
    https://sbacv.org.br/varizes/

     

    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes