AchèAchè
    search
    Título

    Como é o processo de recuperação de uma unha quebrada?

    Uncategorized

    Por

    A recuperação de uma unha quebrada se baseia no tratamento do quadro de fragilização que causou a quebra. Ou seja, se sua unha está quebrada ou quebradiça e você deseja que ela volte a crescer novamente e se mantenha firme, saudável, é importante garantir a ela uma boa nutrição que a fortaleça. O tratamento consiste em diversas medidas simples e práticas que podem e devem ser adotadas no dia a dia.  

    Cuidados necessários para que a unha não seja fragilizada

     

    “A lâmina ungueal necessita de cinco a seis meses para se regenerar após sofrer um trauma. Neste período, é aconselhado evitar novos traumas, ambientes úmidos e o uso de substâncias químicas. Também é importante manter as unhas curtas, usar luvas de algodão embaixo das luvas de borracha ao se ter contato com desinfetante e aplicar hidratantes tópicos repetidas vezes”, informa a dermatologista Gabriella Albuquerque. 

    Vale evitar ainda lavagens frequentes – sobretudo com água quente – e contato prolongado com agentes que favorecem o ressecamento da unha, como solventes, ácidos, soluções que contêm açúcar e detergentes. “Por isso, aqueles que realizam tarefas domésticas são muito mais suscetíveis às unhas frágeis e quebradiças. Os solventes presentes nos esmaltes são outros exemplos comuns que podem causar ressecamento e fragilização das unhas”, afirma a Dra. Gabriella.

    Unha quebrada precisa de nutrientes para crescer forte

     

    Segundo a especialista, é fundamental ainda repor elementos essenciais para a saúde das unhas, como biotina, selênio, zinco e ferro. Estes elementos estão associados ao crescimento das unhas, então são realmente imprescindíveis para quem está com as unhas quebradas e deseja que elas cresçam fortes novamente. Estes nutrientes podem ser obtidos tanto na alimentação quanto em medicamentos.   

    Doenças que comprometem as unhas devem ser tratadas em paralelo


    Além do tratamento voltado diretamente para controlar o quadro de unhas frágeis, é importante tratar em paralelo possíveis doenças que estejam provocando a quebra e fragilidade das unhas. “Devemos lembrar que algumas doenças também são responsáveis pela fragilidade ungueal, como a psoríase e anemia, por exemplo. Sendo assim, fazer o tratamento dessas doenças de base é crucial”, orienta a médica. 

     

    Foto: Shutterstock

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes