AchèAchè
    search
    Título

    Como as vacinas ajudam o trabalho do sistema imunológico?

    Uncategorized

    Por

    Tomar vacinas é uma atitude essencial para manter o corpo saudável e prevenir doenças. Muitos desses problemas são graves e podem acarretar riscos sérios e permanentes à saúde. Mas, você sabe como as vacinas atuam em nosso sistema imunológico? A imunologista Ana Carolina da Matta explicou para a nossa equipe a importância da vacina para imunidade e a defesa do organismo. 

    Vacina gera memória imunológica para prevenir doenças


    A imunologista explica que o funcionamento da
    vacina se dá a partir de uma “memória” que o sistema imunológico cria para o nosso próprio corpo. “As vacinas ajudam o sistema imunológico porque elas são compostas de agentes (bacterianos ou virais), inativados ou vivos atenuados, que fazem com que nosso organismo ache que está tendo uma infecção. Estimula-se a produção dos anticorpos para quando o corpo realmente entrar em contato com aquele vírus ou bactéria”, afirma a médica. 

    Na hora de combater a doença de verdade, o sistema imune produz os anticorpos que já conhece, como esclarece Dra. Ana Carolina: “O organismo já entende que pode produzir anticorpos contra a doença, porque ele já foi estimulado uma vez, já tem uma ‘memória’ imunológica. Logo, haverá o combate à infecção”.

    Vacinar-se é proteger a si mesmo e ao outro

    A médica destaca que a vacinação não é uma medicação: ela é um compromisso não só com a própria imunização, mas também com a saúde de outras pessoas. “Se você fica sem tomar uma vacina que está indicada no calendário, tem mais chances de adoecer”, explica a especialista.

    A imunologista ainda enfatiza que, ao adoecer após decidir não tomar uma vacina, nos tornamos um risco para o grupo de pessoas que não pode se imunizar. “Por outro lado, se você pode tomar a vacina e a toma, uma pessoa imunossuprimida, em transplante ou quimioterapia, que é impossibilitada de se imunizar, irá se beneficiar, pois você não será um transmissor para ela”, conta Dra. Ana Carolina. 

    Se não souber quando ou de quais vacinas precisa, a médica explica que é preciso se informar com seu médico para tirar todas as dúvidas: “Há o calendário de vacinação da Sociedade Brasileira de Imunologia (SBI), que possui calendário para idosos, recém-nascidos, prematuros, adultos, crianças, gestantes, alérgicos, com imunodeficiência, entre outros. Procurando saber previamente o seu perfil com o médico ou em uma clínica de vacinação, já dá para ter uma noção de qual vacina poderá tomar”.

    Foto: Shutterstock

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes