search
    Título

    As fezes do seu filho estão normais? Saiba a importância de ficar de olho!

    Uncategorized

    Por

    Quando o assunto é a saúde dos filhos, é importante prestar atenção em qualquer detalhe, até mesmo nas fezes. “O aspecto das fezes deve ser sempre observado, porque pode mostrar alterações da consistência e da forma e pode até revelar a presença de elementos incomuns”, alerta o pediatra Bruno Amaral. Mas, como saber o que é considerado normal ou anormal?

    Sangue e muco nas fezes são motivos de preocupação


    O cocô das crianças pode dizer muito sobre a alimentação e até indicar alguma doença ou infecção. “O que mais deve ligar nosso sinal de alerta é a grande quantidade de muco e a
    presença de sangue, que deve ser investigada de acordo com seu aspecto e sua quantidade”, aconselha o profissional. O sangue pode indicar prisão de ventre ou até alergia ao leite de vaca. Fezes verdes e espumadas também devem ser motivo de uma visita ao consultório médico.
    Os pais devem ainda ficar de olho na frequência de evacuações. “O aumento da frequência de evacuações e a redução da consistência podem significar infecção aguda, verminoses ou síndromes que prejudicam a absorção de nutrientes. A baixa frequência também pode ser sinal de outras doenças importantes”, destaca Dr. Amaral.

    A alimentação influencia as fezes das crianças


    Por outro lado, é essencial entender que o cocô dos bebês que se alimentam apenas de leite é diferente das fezes das crianças mais velhas. “As fezes do bebê que só mama tem aspecto mais liquefeito ou floculado e normalmente mais amarelado”, afirma o médico. Até mesmo a
    quantidade de evacuações é diferente: em média, são seis a oito evacuações por dia.
    Já o bebê que se alimenta exclusivamente da fórmula de leite evacua menos e o cocô pode ter um tom mais claro de amarelo ou ser mais amarronzado. Com a alimentação mais variada e o crescimento do organismo, o cocô vai mudando até se tornar mais moldado e firme, ou seja, mais parecido com as fezes de um adulto.

     

    Foto: Shutterstock

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes