Sedentarismo pode ser um fator para o desenvolvimento da osteoartrite?


  • +A
  • -A
Imagem do post Sedentarismo pode ser um fator para o desenvolvimento da osteoartrite?

Você sabe para que serve a cartilagem articular? Ela é um tecido que funciona como proteção às articulações e aos ossos, reduzindo os impactos de movimentos do dia a dia. A partir dos 55 anos, principalmente, esta cartilagem começa a se degenerar, o que causa dor, rigidez e alterações na estrutura óssea. Trata-se de uma doença conhecida como osteoartrite.

Causas e fatores de risco

A osteoartrite atinge principalmente a coluna, os joelhos, os quadris e as mãos. Ela também pode ter seu surgimento favorecido por alterações hormonais nas mulheres depois da menopausa, além de traumas, da obesidade, postura incorreta e problemas genéticos que tornam a cartilagem mais fraca.

Outro fator de risco a ser considerado é o sedentarismo, que também pode contribuir para uma piora no quadro. “O sedentarismo ajuda a piorar a osteoartrite. A falta de exercícios faz com que a musculatura hipotrofie e sobrecarregue as articulações”, explica o ortopedista e traumatologista Lucio Nakada.

A importância da atividade física

A inatividade do corpo colabora também para o ganho do peso, o que provoca um ciclo vicioso. Os quilos a mais registrados na balança aumentam a carga sobre as articulações, provocando danos maiores e causando mais dor, fazendo com o que o paciente acredite que a melhor opção é permanecer em repouso.

Na verdade, parte do tratamento para a osteoartrite passa pela prática regular de atividades físicas, monitorados por um profissional e adequados às condições de saúde de cada pessoa. “A musculação é primordial para prevenir e melhorar os sintomas da osteoartrite, assim como exercícios na água com fortalecimento muscular”, recomenda Nakada.

Dr. Lucio Nakada é ortopedista e traumatologista e atua em São Paulo. CRM-SP: 87965

TAGS
osteoartrite

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Sedentarismo pode ser um fator para o desenvolvimento da osteoartrite?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.