Combate às varizes diminuiu dores e aumentou conforto de aquarista de Cuiabá


  • +A
  • -A
Imagem do post Combate às varizes diminuiu dores e aumentou conforto de aquarista de Cuiabá

Cerca de 30% da população mundial sofre com as consequências das varizes. O problema é caracterizado pelas veias que se tornam tortas e deformadas e que aparecem, em geral, nas pernas. As varizes causam dor e provocam sensação de inchaço, mas também chegam a incomodar alguns pacientes por causa da aparência.

Ana Lígia G. M., de 35 anos, é uma das brasileiras que realizam tratamento contra as varizes. Antes de procurar auxílio médico, a aquarista e aquariofilista sentia muitas dores nas pernas. “Não podia carregar muito peso e nem fazer exercícios pesados. Tinha dores, sensação de peso e cansaço nas pernas”, relembra a moradora de Cuiabá, no Mato Grosso.

De acordo com o angiologista Dr. Jayme Ramos, é importante procurar um médico assim que forem detectados os primeiros sintomas, como a dor. “A dor de varizes tem como manifestação comum a sensação de pernas pesadas e cansadas no fim do dia”, explica. “É importante que se faça a distinção de outras causas: exercícios, dores musculares, dores arteriais. É muito importante procurar um médico para que ele possa fazer uma avaliação detalhada do paciente para descobrir a causa do incômodo”.

 

Tratamento de efeitos prolongados era o objetivo da cuiabana

 

Apaixonada pelos animais e pela natureza, Ana Lígia demorou a encontrar o tratamento ideal para seu caso: “Fiz diversos exames, consultei vários especialistas que me disseram que eu teria que retirar a veia safena da perna direita”. Ela já havia experimentado cremes, fórmulas fitoterápicas e outras formas de tratamento que traziam conforto no momento da aplicação, mas que não tinham efeito duradouro. Logo as dores e o cansaço voltavam, afastando Ana da qualidade de vida que desejava.

Há cerca de dois anos, no entanto, a cuiabana iniciou outra modalidade de tratamento, com resultados mais duradouros. “Tem sido bom. Logo no começo do tratamento eu já senti uma melhora um conforto muito grande, não sinto mais nenhuma dor”, conta a aquarista. Agora, ela afirma que pode realizar seu trabalho e suas atividades do dia a dia sem problemas, mas continua a seguir as recomendações do seu médico para evitar que as dores voltem.

 

Atividades físicas ajudam a tratar varizes

 

De acordo com o angiologista Bernardo Barros, algumas atitudes simples podem ajudar a diminuir as dores de pacientes com varizes, como é o caso de Ana Lígia. “Medidas gerais, como hidratação e exercícios físicos, têm efeitos benéficos comprovados. O repouso com as pernas elevadas e períodos de descanso entre as atividades também demonstram ótima resolutividade”, explica o especialista.

Dr. Bernardo Cunha Senra Barros é angiologista e membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular do Rio de Janeiro (SBACV-RJ). CRM-RJ: 78472-9

Dr. Jayme Ramos é angiologista e cirurgião vascular e atende em seu consultório no Rio de Janeiro. CRM: 52663859
Foto: Shutterstock

TAGS
circulacao
dor-nas-pernas
varizes

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Combate às varizes diminuiu dores e aumentou conforto de aquarista de Cuiabá"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.