É possível identificar os sintomas de pressão alta? Como posso me cuidar? Descubra!


  • +A
  • -A

Algumas doenças são traiçoeiras e surgem em nosso corpo sem causar sintomas claros. Com isso, é preciso atenção e disciplina no dia a dia para evitar que, de alguma forma, sem querer,  certos hábitos causem ou agravem essas doenças. Um exemplo disso é a hipertensão, ou simplesmente pressão alta. Ela é uma doença crônica que requer cuidados, pois se não for controlada, pode trazer consequências graves. Por ser silenciosa, é importante identificar alguns sinais da doença para consultar um médico e, com o diagnóstico em mãos, iniciar o tratamento.

Tabagismo e obesidade podem indicar uma pré-disposição à doença

A hipertensão apresenta alguns fatores de risco imutáveis, como histórico familiar ou a idade, mas alguns hábitos do dia a dia influenciam no surgimento e agravamento da doença. “Entre os fatores mutáveis, temos: Tabagismo, alcoolismo, alimentação rica em sal, valores elevados de colesterol e triglicerídios, diabetes e obesidade”, enumera Mariane Fernandes, profissional de enfermagem e responsável pela Clínica Escola da Universidade Castelo Branco. Caso você esteja dentro de alguma dessas condições, é necessário atenção. “Os sintomas só podem ser sentidos em fases muito avançadas ou em níveis de pressão elevados de forma abrupta ou exagerada. Os sinais de alerta são: dores no peito, dor de cabeça e tontura”.

Como a pessoa pode se cuidar para evitar a pressão alta?

A atenção diária é fundamental para evitar que a hipertensão se instale. Para quem já demonstra tendência para a hipertensão, é preciso fazer exames regulares para descobrir como estão os batimentos cardíacos, mas existem outras dicas importantes. “Manutenção do peso ideal, prática de atividade física, redução de sal, evitar bebidas alcoólicas, dieta saudável, abandonar o fumo e usar medicamentos de forma correta, de acordo com prescrição médica”, completa Mariane.

Quais as formas de tratamento e cuidados para a pressão alta?

Mariane afirma que, por ser uma patologia sem cura, o tratamento da hipertensão é baseado no controle dos níveis de pressão e que apenas o médico pode determinar o melhor método de tratamento individual para cada paciente, que é pautado na anamnese (ou seja, na descrição do paciente sobre os sintomas e estilo de vida), no exame físico, avaliação laboratorial e outros exames complementares. “É importante pontuar que o tratamento nem sempre significa apenas uso de medicamentos. Adotar um estilo de vida saudável também é imprescindível. Entretanto, uma vez iniciado o tratamento medicamentoso, torna-se necessário a continuidade do mesmo de forma correta, mesmo que o paciente esteja sentindo-se bem”, conclui.

 

Mariane Fernandes é graduada em Enfermagem e responsável pela Clínica Escola da Universidade Castelo Branco. Coren-RJ:366761

 

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
TAGS
cardiovascular
pressao-alta

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

2 comentários para "É possível identificar os sintomas de pressão alta? Como posso me cuidar? Descubra!"

Elane Rodrigues dos santos

Sou hipertensa e preciso de ajuda,e sinto cansada o tempo todo, fico casa o tempo, estou gorda e desmotivada, me ajudem tel. (71) 99114-4265 zap (71) 3215-1426 me ajudem

CUIDADOS PELA VIDA

Olá Elane, a prática de exercícios físicos é um aliado no tratamento contra a hipertensão, pois ajuda a controlar a doença. É muito importante que você consulte seu cardiologista para que ele possa te indicar o melhor tratamento. Temos mais uma matéria que pode te ajudar confira no link abaixo. Abraços.

https://cuidadospelavida.com.br/saude-e-tratamento/hipertensao/pressao-alta-caminhadas

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.