Sem lactose: o intolerante deve se preocupar?

  • +A
  • -A

Quando o assunto é alimentação, o intolerante à lactose se vê cercado de restrições. Afinal, são diversas receitas que levam o leite ou derivados em sua composição. Porém, além de ser privado das delícias, fica outro questionamento: a sua falta pode trazer prejuízos à saúde da pessoa? Falamos com especialistas para entender a importância dessa substância no organismo. Confira!

Veja ainda quais os sintomas das crises de intolerância.

Lactose oferece benefícios diversos para o corpo humano 

O leite é um dos alimentos principais da dieta de muitas pessoas. Seu uso é diverso e aparece nas mais variadas receitas. Além de ser delicioso, também é repleto de propriedades. O Dr. Edir Porto, gastroenterologista, levanta algumas vantagens significativas provenientes do leite, como a melhora da absorção de cálcio, zinco, manganês e magnésio. 

“O consumo dos alimentos com lactose colabora para que o nosso intestino produza bactérias benéficas, reduzindo assim o pH intestinal, melhorando a função intestinal e colaborando para a maior absorção dos nutrientes já citados”, complementa a Natalia Gomes Pimenta, nutricionista.

Dentre os alimentos que oferecem esses benefícios, então o leite de origem animal e derivados: desde o requeijão aos queijos. 

A falta de consumo dos alimentos com leite ou derivados preocupa?

Diante de todos os benefícios levantados, é comum que o intolerante à lactose se preocupe com as consequências provocadas pela falta de consumo dos alimentos com leite. Porém, essa situação pode ser contornada com uma dieta equilibrada. 

“Alimentos como leite e derivados possuem grande valor nutricional, sendo fonte de proteínas de alto valor biológico, além de diversas vitaminas e minerais, como por exemplo, cálcio, potássio, fósforo e diversas vitaminas. Entretanto, em uma alimentação equilibrada, com todos os outros grupos alimentares incluídos, como leguminosas, cereais, legumes, verduras, carnes e ovos, esta ausência pode ser compensada”, explica Natalia. 

Porém, o intolerante à lactose não precisa estar sempre restrito. O Dr. Edir lembra que a enzima lactase é uma alternativa para possibilitar que a pessoa experimente receitas diversas sem os desconfortos comuns da condição.

Saiba qual a quantidade de enzima é a ideal para ser consumida. 

Ou seja, existem diversas possibilidades que não comprometem a saúde e bem-estar da pessoa com intolerância à lactose. Para traçar a melhor delas para o seu caso, fale com o seu especialista.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Edir S. Porto Junior

Dr. Edir S. Porto Junior

Gastroenterologia

CRM: 5284183-8 / RJ

TAGS

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Sem lactose: o intolerante deve se preocupar?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.