O que fazer quando um paciente não explica seus sintomas adequadamente?


  • +A
  • -A
Imagem do post O que fazer quando um paciente não explica seus sintomas adequadamente?

A comunicação entre um médico e seu paciente é um dos fatores que mais influenciam na rapidez e na eficácia do diagnóstico e do tratamento de um problema de saúde. O paciente deve explicar o que está sentindo e quais suas principais preocupações, enquanto o profissional deve utilizar seu conhecimento e sua capacidade de expressão para que a linguagem médica seja compreendida mais facilmente.

Conforto e segurança ajudam na hora da consulta

 

Entretanto, não é sempre que a consulta acontece sem contratempos. “É muito comum o paciente ter dificuldades para explicar os sintomas. O médico precisa ter paciência e fazer perguntas que auxiliem o paciente a se explicar”, afirma o ortopedista Mauricio de Paiva Raffaelli que complementa que a formação médica dedica muita atenção à compreensão dos sinais e dos sintomas.  

A barreira na comunicação pode surgir também diante do desconforto sentido pelo paciente na hora de dizer como está se sentindo, mas a situação pode ser contornada. “O papel do médico, nesse instante, é de deixá-lo completamente confortável e demonstrar que não está ali para julgá-lo, mas sim para ajudá-lo”, explica Mauricio.

Falhas na comunicação podem atrasar o diagnóstico

 

As dificuldades encontradas na comunicação entre médico e paciente podem retardar a realização de um diagnóstico preciso. Por essa razão, é fundamental que haja uma relação de confiança. Quem vai a uma consulta deve perceber que o especialista está dedicado a atendê-lo e que possui conhecimento e experiência para tratá-lo.

No entanto, Raffaelli não acredita que falhas no diálogo possam resultar em um diagnóstico errado: “Essa é uma expressão muito forte, porque o diagnóstico de uma patologia passa por diversas etapas, como a comunicação, exame físico detalhado e outros complementares.” Depois de descoberta e explicada a condição clínica, é preciso que o paciente se dedique ao tratamento.

Dr. Mauricio de Paiva Raffaelli é ortopedista, traumatologista e especialista em cirurgia de ombro e cotovelo e atende em São Paulo. CRM-SP: 101523

TAGS
medico
paciente
tratamento

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

1 comentário para "O que fazer quando um paciente não explica seus sintomas adequadamente?"

Maria Farias

Tenho uma doença crônica, e, nem todos os sintomas consigo explicar para os médicos. Agora vou ficar mais atenta. Obrigda

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.