search
Título

Uma pessoa com alergias respiratórias pode ter cães e gatos em casa?

Asma e Bronquite
Sintomas

Por Dra. Érica Azevedo

21 de junho de 2016

A paixão por animais, principalmente cães e gatos, pode ter um grande obstáculo: a alergia. Muitos alérgicos não podem nem ficar próximos aos animais sem sentir os efeitos das crises, como espirros descontrolados e irritações na pele. Não há nenhum jeito de conviver de forma harmoniosa? Por que as alergias acontecem? Vamos atrás das respostas com a alergista Érica Azevedo.

O causador da alergia e os sintomas

Geralmente, quem sofre com cães e gatos em casa tem a alergia respiratória, que pode se manifestar pela rinite ou asma. As substâncias que causam a alergia se chamam alérgenos e, neste caso específico, eles são provenientes do pelo dos animais, da saliva e da descamação do epitélio. No entanto, também podem ser originados do sangue, urina e outras secreções.

Como saber se estamos com alergia aos animais? A Dra. Érica Azevedo explica que os sintomas são os mesmos que causam a repulsa pela poeira: “São os mesmos sintomas, podendo apresentar-se como uma rinite, com espirros, tosse, coceira no nariz e nos olhos, obstrução nasal e secreção nasal abundante ou como uma asma, com as crises de broncoespasmo”.

Convivência é possível?

Essa é a pergunta que muitos fazem com o medo da resposta, afinal, cogitar a separação de um animal de estimação é doloroso. E, segundo a especialista, se a alergia realmente for por causa dos bichinhos, a solução é o afastamento: “Infelizmente, se ficar comprovada que a causa da alergia é de fato um alérgeno proveniente do animal, não tem jeito. Esses alérgenos são bem leves e podem ficar no ambiente um bom tempo, mesmo após tirar o bichinho de casa.”

Newsletter
Tags
alergias respiratórias
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes