search
Título

Sentir dor no peito e falta de ar após praticar esportes é normal? Como se cuidar para respirar melhor?

Meu Corpo
Pulmão

Por

Se uma dor no peito já causa surpresa e medo em pessoas normais, imagine em atletas, que possuem uma vida regrada e dependem integralmente do desempenho de seus corpos no dia a dia? Parece paradoxal, mas uma grande quantidade de esportistas vem, ao longo dos anos, apresentando problemas cardíacos que podem causar inclusive infartos súbitos durante a prática de esportes.

Afinal, sentir dores durante esse tipo de esforço é normal?

O cardiologista Roberto Felipe Correia afirma que não é normal, mas garante que nem toda dor no peito é sinal de infarto. “Muitos jovens têm apresentado essas dores no peito durante algum exercício físico. Geralmente o que acontece nesses casos é uma arritmia cardíaca, ou seja, alguma alteração no ritmo das batidas do coração”, explica. “Logicamente, a primeira atitude a ser tomada é a de parar imediatamente com a atividade e procurar repouso. Em seguida, caso a dor se agrave, deve-se procurar um atendimento de emergência e o devido acompanhamento médico”.

O especialista alerta também para a importância de deixar o ego de lado e procurar repouso imediatamente. “O grande problema é que atleta sempre tenta continuar um pouco para ver até onde consegue prosseguir. Isso é errado, porque os sintomas aumentam gradativamente”, enfatiza o cardiologista.

A respiração também pode influenciar nas dores do peito?

Quem nunca sentiu uma dorzinha no peito quando a respiração parece ter acontecido de “forma errada”? É algo relativamente comum, que geralmente não representa nada de mais, mas é preciso atenção se for algo muito recorrente, pois essa dor pode ser sintoma de algum problema mais sério.

Na respiração, principalmente durante a prática de atividades físicas, é essencial buscar ao máximo o uso da musculatura do diafragma, ou seja, movimentando o abdômen e não o tórax. A respiração ideal deve ser mais lenta e profunda, com pausas inspiratórias e expiratórias naturais.

É importante também buscar o tratamento para rinites, alergias e outros problemas que obstruam as vias nasais, já que a respiração pela boca pode trazer algumas complicações. Como o nariz tem mecanismos para filtrar, aquecer e umidificar o ar, a respiração bucal acaba enviando um ar mais carregado de impurezas, o que pode prejudicar quadros de asma e bronquite, além de favores infecções no trato respiratório.

Foto: Shutterstock

Newsletter
Tags
dor no peito
falta de ar
respiração
Compartilhamento

Posts relacionados

Converse com um dos nossos atendentes