AchèAchè
    search
    Título

    O isolamento social gera mais dificuldades para os pacientes hipertensos?

    Hipertensão

    Por

    O período atual de isolamento social por conta da pandemia do novo coronavírus pode impactar negativamente pacientes com hipertensão, tendo em vista que a situação tende a deixar as pessoas mais ansiosas, angustiadas e estressadas. Tudo isso atua como fator de risco para a pressão alta, então não se pode desconsiderar essa associação.    

    Isolamento social, saúde mental e hipertensão


    Mesmo assim, isso depende muito de cada paciente e da maneira como a situação momentânea é encarada. “Há pacientes que ficam hipertensos no ambiente de trabalho, enquanto outros podem sofrer mais por saírem da rotina a qual estão acostumados (cenário da quarentena)”, afirma o cardiologista Gabriel Dotta.

    Sendo assim, o médico acredita ser fundamental que o paciente converse sempre com seu médico de confiança, para verificar a melhor estratégia para o ajuste da pressão arterial. O lado psicológico/emocional tem muito impacto nesse contexto, então é importante investir no cuidado constante da saúde mental. Isso pode funcionar bem como uma medida complementar ao tratamento da hipertensão.

    Principais cuidados para controlar a pressão arterial


    Independente de isolamento social, o paciente hipertenso deve se manter sempre em tratamento, de forma regrada, pois trata-se de um problema crônico, sem cura, e que, sem os devidos cuidados, pode gerar complicações, levando até mesmo à morte. Portanto, além do controle do estresse já mencionado, deve-se apostar em hábitos saudáveis de vida, como prática regular de atividade física e
    cessar o tabagismo e o consumo de bebidas alcoólicas.

    Controlar a alimentação é outra medida muito relevante no processo. O ideal é optar por pratos com mais legumes, verduras e frutas e menos sódio, gordura e fritura. Todas esses cuidados são recomendados pela Sociedade Brasileira de Hipertensão. Por último, mas não menos importante (pelo contrário, talvez), deve-se destacar o tratamento medicamentoso, crucial para controle dos sintomas e do quadro como um todo.

     

    Dados da Sociedade Brasileira de Hipertensão:

    https://www.sbh.org.br/arquivos/perguntas-frequentes/quais-sao-as-causas/  

     

    Foto: Getty Images

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes