AchèAchè
    search
    Título

    Filho resfriado com frequência? Saiba como reforçar a imunidade dos pequenos!

    Baixa Imunidade

    Por

    Durante a infância, principalmente nos primeiros anos de vida, é muito comum as crianças terem uma série de infecções, tendo em vista que sua imunidade ainda está em desenvolvimento. Os resfriados são muito frequentes e costumam vir mais quando os pequenos passam a ter contato com outras crianças infectadas, na creche, por exemplo.

    “Os resfriados são sempre causados por vírus, sendo o rinovírus o mais frequente deles. Para ficar resfriada com frequência, a criança necessita de contatos rotineiros com outras pessoas que possuam o vírus, enquanto seu sistema imunológico ainda não consegue reagir adequadamente. Isso é especialmente comum nas crianças menores de 5 anos e que vão para escola ou creche desde muito pequenas”, informa o imunologista Gesmar Rodrigues Silva Segundo.

    Formas de reforçar a imunidade das crianças


    Segundo o especialista, a medida mais eficaz para evitar a ocorrência frequente de infecções
    é reduzir a exposição deles aos diferentes vírus. Porém, se além dos resfriados a criança apresentar infecções de repetição, como pneumonias, mais de quatro casos de otite no ano, meningite, osteomielite e sepse, é necessária uma investigação do sistema imunológico.

    “Essa investigação deve ser feita por um imunologista no sentido de verificar se há falhas no sistema imune da criança. Isso representaria um grupo de doenças conhecido por imunodeficiência primária ou erro inato da imunidade. Sendo confirmado o problema, seria indicado ao paciente a realização do tratamento de forma adequada”, explica o médico.

    Tratamento e prevenção contra imunidade baixa


    Tanto o tratamento quanto a prevenção contra a baixa na imunidade são feitos com algumas medidas, envolvendo, por exemplo, cuidados com a alimentação, higiene, hidratação,
    prática de atividades físicas, suplementação de nutrientes, se necessária, e também uso de medicamentos que estimulam a imunidade da criança. Os imunomoduladores são exemplos interessantes nesse sentido.

     

    Foto: Shutterstock

    Compartilhe

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes