AchèAchè
search
Título

Cálcio: Descubra a importância desse mineral durante todas as fases da vida

Doenças dos Ossos

Por

19 de outubro de 2023

O cálcio é considerado um dos minerais mais importantes para o organismo, pois contribui em diversas de suas funções, como crescimento, produção de hormônios e, acima de tudo, é fundamental na formação de ossos e dentes. Seu consumo é necessário em todas as fases da vida, inclusive na infância, pois é neste momento que se formam as reservas necessárias para os anos seguintes, já que a capacidade do corpo absorver o cálcio e outros nutrientes diminui com a idade.

As doses diárias de cálcio variam de acordo com fatores como gênero e faixa etária. Para mulheres entre 19 e 50 anos e homens entre 19 a 70 anos, são recomendados 1.000mg de cálcio por dia, ou quatro copos de leite. Mulheres grávidas, por outro lado, precisam de um aporte maior, de 1.200mg por dia. Para as crianças, os valores mudam: de 4 a 6 anos, a recomendação é de 600mg, dos 7 aos 10 anos é de 700mg e dos 11 aos 18 anos, a dosagem é a mesma que a recomendada para adultos, 1.000mg por dia. Caso você não consiga atingir as metas diárias do mineral apenas pela dieta, converse com seu médico, que pode indicar a suplementação como uma alternativa. Nesse sentido, tabletes mastigáveis apresentam uma série de vantagens, especialmente quando comparados a outras opções do mercado, como comprimidos.

Consumir pouco cálcio na infância reflete negativamente na fase adulta


A infância é um período crucial para a absorção de cálcio. Por isso, crianças com deficiência de cálcio possuem mais
riscos de desenvolverem osteoporose e fraturas ao envelhecer. “Além disso, tendem a apresentar certa diminuição na velocidade do crescimento, câimbras, queda de cabelo, insônia e problemas de memória”, complementa a nutricionista Giovana Morbi.

Na fase adulta o consumo de cálcio deve continuar, pois a perda desse mineral pelos ossos já começa a se acentuar, especialmente em mulheres. Inclusive, os nutrientes das reservas acumuladas desde a infância também vão se esvaindo gradativamente, o que reforça a necessidade de manter o nutriente na dieta.

Necessidade de suplementação aumenta na velhice


Até na velhice o cálcio deve ser tido como prioridade, mesmo que neste período a absorção já não seja mais a mesma. Em fases mais avançadas da vida, a obtenção de determinados nutrientes apenas pela alimentação acaba não sendo o suficiente, justamente por essa dificuldade de absorção,
e então a suplementação se torna uma importante aliada.
“A suplementação de cálcio é indicada quando há carência deste mineral, mas ela deve ser feita de forma criteriosa”, afirma a nutricionista Suely Iglesias. Segundo a especialista, este reforço feito por meio da suplementação é comumente indicado não somente para idosos e indivíduos com deficiência de cálcio, em geral, mas também às mulheres depois da menopausa, já que as mudanças hormonais dessa fase da vida propiciam o desenvolvimento da osteoporose, especialmente em mulheres com carência do mineral. 

Tabletes mastigáveis são uma boa opção de suplemento

Existem diversos suplementos de cálcio no mercado, em diferentes formatos, como comprimidos e tabletes mastigáveis. Os tabletes mastigáveis oferecem algumas vantagens, como a facilidade de engolir e sabores agradáveis, que acabam estimulando o consumo diário. “Os tabletes mastigáveis são uma alternativa principalmente para pessoas que têm dificuldade de ingestão, como os idosos”, afirma Suely.

Caso você não esteja conseguindo alcançar as quantidades recomendadas de cálcio na dieta, por meio do consumo de laticínios (leite, queijos, iogurte) ou alguns vegetais (como brócolis, couve, espinafre e rúcula), converse com seu médico, que pode apontar a suplementação como uma alternativa.

Foto: Shutterstock

Newsletter
Compartilhamento

Posts relacionados

Artigos
Como a osteoartrite nas mãos prejudica a rotina do paciente?

A osteoartrite é uma doença que atinge as articulações do corpo, provocando um desgaste das cartilagens que as revestem e causando deformações nos ossos nos casos mais graves. Essas alterações ósseas são chamadas de osteófitos e são muito frequentes em casos de osteoartrite nas mãos. Trata-se de um problema que pode provocar um quadro de […]

Artigos
Quem tem osteoartrite deve evitar subir muitos lances de escada?

A cartilagem que reveste as superfícies das articulações tem como função evitar que haja atrito entre os ossos. No entanto, o desgaste das cartilagens provocado pela osteoartrite, uma doença degenerativa, leva a um quadro em que há uma progressiva diminuição do amortecimento do impacto produzido pelo movimento do corpo. Será que fazer esforço ao subir muitos […]

Artigos
Que desafios um idoso com osteoporose pode enfrentar durante o período de isolamento social?

As mudanças físicas e mentais impostas pela idade trazem uma série de dificuldades para os idosos e isso não é segredo para ninguém. No entanto, o período de isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus pode aumentar ainda mais os desafios do dia a dia, especialmente para um idoso com osteoporose. Confira! Deixar de fazer exercícios […]

Converse com um dos nossos atendentes