search
    Título

    8 hábitos ruins para a saúde do coração

    Coração
    Meu Corpo

    Por

    Além dos hábitos que já sabemos que são ruins para o coração, como o tabagismo, a obesidade, o consumo exagerado de bebidas alcoólicas, entre outros, existem outros hábitos que causam malefícios ao coração e nem percebemos isso. Os principais fatores indiretos para causar estes malefícios são:

    – A insônia é caracterizada pela demora excessiva para dormir, acordar com frequência durante a noite ou despertar antes do tempo adequado. Quem sofre deste problema e dorme por volta de 06 por noite corre um risco 30% maior de desenvolver hipertensão arterial em relação as pessoas com sono normal. Quem dorme menos de 05 horas por noite o risco aumenta para 52%;

    -Consumir gorduras visíveis das carnes ou pele de aves pode ocasionar problemas ao coração, como dislipidemias (aumento do nível de gordura no sangue, como o colesterol e triglicérides);

    -Ingerir doses altas de café expresso pode ser perigoso para a saúde. Em relação a hipertensão, uma pessoa saudável que toma café pela primeira vez terá um discreto aumento de pressão arterial, já pessoa que tem o hábito é provável que não tenha esse aumento no decorrer do tempo;

    -O consumo exagerado de refrigerantes à base de cola exerce influência mais significativa do que o café sobre a pressão arterial e doenças cardiovasculares;

    -Falta de escovação dos dentes, devido à má higiene bucal trazer danos à saúde no geral, como presença de cáries e gengivite, podendo acarretar em problemas graves para o coração, ocasionando doenças como a endocardite (infecção do revestimento interno do coração);

    -O tráfego intenso associado a poluição e estresse são considerados inimigos cardíacos;

    -Depressão, pois pacientes com sofrimento psicológico são mais propensos a fumar, não realizar atividades de lazer e fazer pouca atividade física;

    -Pessoas que realizam atividades rotineiras, como lavar louça, andar de casa até o ponto de ônibus, limpar a casa, entre outros, não substitui a realização da atividade física de forma moderada, por cerca de 30 a 40 minutos por dia com o acompanhamento de um profissional qualificado, pois o sedentarismo contribui para o desenvolvimento de Hipertensão Arterial Sistêmica, obesidade, Diabetes Mellitus, Hipercolesterolemia (níveis de colesterol elevado) e outras doenças.

    Referências:

    Newsletter
    Compartilhamento

    Posts relacionados

    Converse com um dos nossos atendentes