Por que a pele fica flácida com o passar dos anos?


  • +A
  • -A

O envelhecimento é um processo natural, gradativo e irreversível, portanto, a flacidez e a perda de elasticidade da pele não têm como ser evitadas. No entanto, isso não impede que elas sejam atrasadas. Cuidar da saúde da pele é uma excelente maneira de fazer com que os efeitos da idade sejam amenizados.

Cuidados diários com a pele para evitar a flacidez


“A pele sofre modificações com o passar do tempo. Com o envelhecimento, ocorre uma diminuição no número de fibroblastos (células que produzem colágeno e elastina) e consequente queda da síntese de colágeno. A pele tende a ficar mais seca e a produção de sebo cai. Tudo isso contribui para a diminuição da elasticidade da pele e flacidez”, explica a dermatologista Aline Guimarães.

Quanto aos cuidados diários com a pele que podem retardar a sua flacidez, destacam-se o uso de hidratantes, antioxidantes, retinóides, os quais contribuem para a redução da degradação do colágeno. “Além disso, existem hoje várias tecnologias usadas no consultório dermatológico com o intuito de estimular a produção de colágeno, com excelentes resultados. Ultra som microfocado, radiofrequência e aplicação do ácido polilático, são alguns exemplos”.

Como retardar a flacidez e fatores que desgastam a pele


A síntese de colágeno e, consequentemente, a firmeza da pele podem ser garantidas por meio de alguns agentes. A prática de atividade física e o consumo de proteínas (principalmente as de origem animal) são muito importantes neste processo. “Atualmente dispomos ainda de colágeno em pó ou em cápsula, que pode ser consumido diariamente, sendo um adjuvante no tratamento e prevenção da flacidez”.

O desgaste da pele costuma ser acelerado por alguns fatores. A radiação solar e o tabagismo são importantes inimigos, ainda mais quando se fala em flacidez e elasticidade. “Por isso mesmo é de fundamental importância cessar o tabagismo e utilizar filtro solar nos momentos de exposição ao sol”, recomenda a profissional.

Dra. Aline Guimarães é dermatolgista formada pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e é membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). CRM-SP: 155914

Foto: Shutterstock

TAGS
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

5 comentários para "Por que a pele fica flácida com o passar dos anos?"

Edielce B.C.Guimarães

Muito interessante a abordagem de um tema que cada dia se torna mais importante à medida que as pessoas não têm tempo disponível para os cuidados básicos com a pele. Esclarecedor e didático .

Maria Salete Teixeira

Dra Aline, gostei muito dá abordagem sobre envelhecimento dá pele. Nós mulheres estamos sempre procurando orientação sobre esse tema. Tomo colágeno todos os dias e tenho cuidado dá minha pele. Aguardo novas informações. Ficarei atenta.

Cuidados Pela Vida

Olá Edielce e Maria Salete, que bom que gostaram da matéria. Nossa intenção é trazer orientações que contribuam com nosso dia a dia, que é tão corrido. Abraços

Ley

Dra. Eu não fumo, mas minha pele é muito flácida, aparentou ter mais idade. Já tive depressão, esses fatores fazem acelerar. Me dê algumas dicas. :p

Cuidados Pela Vida

Olá Ley, inevitavelmente os anos passam e o tempo faz com que, naturalmente, venha o envelhecimento celular e da pele. Apesar de não ter nada que evite isso, é possível retardar o efeito provocado por este processo por meio dos cuidados com a pele. Orientamos você a realizar uma consulta com um dermatologista, para que ele avalie as condições da pele e indique o tratamento para o seu caso. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.