Varizes podem ser o sinal de um problema mais grave de circulação?


  • +A
  • -A
Imagem do post Varizes podem ser o sinal de um problema mais grave de circulação?

Varizes podem causar dor, inchaço, desconforto nos membros inferiores e ainda não bem-vindas para quem preza pela parte estética. Mas acontece que, além disso, podem ser sinais de problemas mais sérios no sistema circulatório. Logo, merecem uma atenção médica especial, sempre de um angiologista ou um cirurgião vascular.

Alerta ligado

É bom ficar com a antena ligada em alguns sintomas no nosso corpo. Às vezes o aparecimento de alguma novidade fora do comum pode ser um “grito de socorro”, algo que não esteja funcionando no nosso organismo. E com as varizes isso não é diferente. “Na maioria das vezes, as varizes dos membros inferiores são benignas e de origem genética. As veias dilatadas provocam um acúmulo de toxinas e água, causando sintomas de inchaço, dor e sensação de peso nas pernas. Em alguns casos podem ser decorrentes de uma trombose venosa profunda prévia, obstruções venosas ou a malformações vasculares”, alerta o angiologista Breno Caiafa.

Evite problemas no futuro

O acompanhamento médico se faz necessário porque, caso as varizes não sejam tratadas da forma correta, podem gerar complicações nada legais no futuro, como flebites, tromboses e o tromboembolismo pulmonar, quando artérias dos pulmões são bloqueadas devido a um coágulo sanguíneo.

O surgimento de lesões locais, como úlceras e manchas espalhadas pela pele, são situações que também podem vir a acontecer e determinar a incapacitação do doente, que deve ser afastado de suas atividades profissionais.

Dr. Breno Caiafa é angiologista, cirurgião vascular e membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular do Rio de Janeiro (SBACV-RJ). CRM 565568-RJ

TAGS
circulacao
varizes

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Varizes podem ser o sinal de um problema mais grave de circulação?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.