Entendendo o herpes: quais são as fases da doença?


  • +A
  • -A

O herpes simples é uma infecção causada pelo vírus de mesmo nome e que se divide em dois tipos: o HSV-1 e HSV-2, sendo o primeiro mais comum. O vírus está espalhado em todas as partes do planeta e causa infecções leves, na maioria dos casos. Ele é transmitido pelo contato com mucosas orais ou genitais e a maioria das pessoas não apresenta sintomas ao contraí-lo.

Como o herpes age no corpo

“Assim que o vírus entra no corpo, ele rapidamente se reproduz na mucosa ou na pele, se espalha e segue para as terminações nervosas”, explica o infectologista Taylor Olivo. Por causar lesões no corpo, a herpes geralmente provoca dores. A primeira infecção é mais intensa devido à disseminação do vírus que provoca uma grande quantidade de lesões.

Segundo Olivo, a primeira infecção é comumente encontrada em crianças e jovens adultos e entre os sintomas estão “febre, dor no corpo, irritabilidade, aparecimento de ‘ínguas’ no pescoço e lesões na boca, na língua e nos lábios”.

O vírus pode voltar

Após a primeira infecção, o herpes pode ser reativado, mas são episódios menos intensos e dolorosos e mais rápidos. Alguns pacientes sofrem com o vírus de quatro a cinco vezes por ano, o que pode demandar terapias prolongadas na tentativa de reduzir as ocorrências. Depois de um período de três a cinco anos do primeiro contato, o número de episódios tende a diminuir.

Em casos não tratados, o herpes pode avançar pelo organismo e provocar complicações. “Os vírus herpes simples são responsáveis por gerar desde infecções mucosas e cutâneas a infecções cerebrais e infecções disseminadas”, afirma Olivo. A grande maioria das doenças é leve, mas pessoas com diabetes, AIDS e câncer têm maior risco de desenvolver um problema de saúde grave.

Dr. Taylor Endrigo Toscano Olivo é infectologista formado pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) e atua em Bauru (SP). CRM-SP: 115765

TAGS
herpes
pele

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

4 comentários para "Entendendo o herpes: quais são as fases da doença?"

Audrey Chrisostomo Sanches

No meu caso,tenho herpes há uns 15anos, de leve a moderado,porém há uns 3anos em média, só aumentou, tantos nas vezes,qto à gravidade. Chega a ser todo mês, em vários lugares,inclusive nos últimos meses não seca mais!! Não sei oque fazer mais…

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Audrey, no caso de crises recorrentes ou muito extensas, é importante procurar um médico para investigar se não apresenta nenhuma deficiência de imunidade. Melhoras.

ANA PAULA

Terceira vez que eu tenho herpes labial, gostaria de saber se realmente so aparece 5 vezes ao ano mesmo?

CUIDADOS PELA VIDA

Oi Ana Paula, o vírus do herpes simples é comumente associado a lesões na boca e nos genitais, mas podemos observar pequenas bolhas agrupadas que podem aparecer em qualquer parte do corpo. Segundo pesquisas o herpes não tem cura, ele permanece no organismo reaparecendo com a queda da imunidade. Realize uma consulta com o médico especialista para que ele possa te indicar o tratamento adequado. Abraços.

Deixe seu comentário

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.