Cortar as unhas e tirar as cutículas pode evitar a síndrome das unhas frágeis?


  • +A
  • -A

A síndrome das unhas frágeis é um problema que afeta a saúde das unhas de cerca de 20% da população, sendo mais comum entre as mulheres. As unhas se tornam fracas e quebradiças e sofrem com a descamação frequente. Para evitar que isso aconteça, é importante adotar alguns cuidados. Quem explica melhor é a dermatologista Juliana Fonte.

Tirar as cutículas favorece síndrome das unhas frágeis

 

Cortar as unhas é um dos hábitos mais importantes para evitar a síndrome das unhas frágeis. “Manter as unhas aparadas diminui a chance de traumas e ajuda no seu fortalecimento”, afirma a médica. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, as unhas dos pés devem ser mantidas em formato de quadrado, enquanto as das mãos, em formato arredondado.

Por outro lado, tirar as cutículas é um hábito que, apesar de tão comum, deve virar parte do passado. “A remoção das cutículas, que é uma barreira natural de proteção do aparelho ungueal, favorece a entrada de fungos e bactérias e o surgimento da unha encravada, fatores que acabam por enfraquecer as unhas”, alerta a especialista.

Há ainda outros fatores ligados à estética das unhas que favorecem o desenvolvimento da síndrome das unhas frágeis. Juliana cita, como exemplos, deixar as unhas de molho na água para amolecer as cutículas, passar esmalte continuamente, colocar unhas postiças, usar a lixa de forma muito abrasiva e usar acetona frequentemente, o que provoca o ressecamento da unha.

Descubra como é possível fortalecer suas unhas


Além de cortar as unhas e manter as cutículas, para se prevenir da síndrome das unhas frágeis, é importante hidratar bem as unhas e protegê-las com luvas ao
lavar a louça e fazer outros serviços domésticos com água. É recomendado também utilizar base fortalecedora, ter uma boa alimentação e, em alguns casos, suplementar com biotina, vitamina que ajuda a fortalecer as unhas.

 

Dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia: https://www.sbd.org.br/dermatologia/unha/cuidados/cuidados-com-as-unhas/

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dra. Juliana Fonte

Dra. Juliana Fonte

Dermatologia

CRM: 32136 / RS

TAGS
pele
unhas

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Cortar as unhas e tirar as cutículas pode evitar a síndrome das unhas frágeis?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.