Como evitar que o uso de lentes de contato leve à síndrome do olho seco?

  • +A
  • -A

O uso contínuo de lentes de contato é um dos fatores que contribui para a síndrome do olho seco. Os olhos secos e ardendo geram grande incômodo, mas a boa notícia é que algumas práticas simples podem aliviar os sintomas. Conversamos com o oftalmologista Sérgio Felberg sobre como fazer bom uso de lentes de contato e sobre a importância de usar lubrificantes oculares para evitar o olho seco. Confira!

Como as lentes de contato deixam os olhos secos?

 

A síndrome do olho seco pode ser causada por uma série de motivos, que incluem: idade superior aos 50 anos, alterações hormonais (principalmente na menopausa e na gravidez), longa exposição a telas, ambientes secos, algumas doenças crônicas e uso prolongado de determinados medicamentos. Usar lentes de contato também pode causar ou agravar um quadro de olho seco preexistente.

A superfície ocular precisa estar sempre úmida e lubrificada. Quando os olhos estão saudáveis, esse é um processo que acontece naturalmente, garantido pela produção contínua de lágrimas. As responsáveis por essa tarefa são as glândulas que produzem o filme lacrimal, rico em nutrientes, oxigênio, fatores de crescimento celulares, hormônios e proteínas que protegem os olhos contra infecções. 

O oftalmologista explica como as lentes de contato podem afetar esse equilíbrio: ”As lentes de contato podem funcionar como esponjas, isto é, absorver o filme, deixando a superfície ocular ressecada e exposta. Além disso, quando estão nos olhos, elas interrompem o trajeto natural da lágrima, que pode perder sua característica de ‘filme”’. 

Dicas para um uso saudável de lente de contato com grau

 

Não é preciso abrir mão da praticidade das lentes de contato para evitar o desconforto dos olhos secos e ardendo. Dr. Sérgio compartilhou algumas estratégias de como fazer um bom uso delas. O primeiro passo é se consultar com um oftalmologista, para que ele analise a sua condição ocular e indique a lente de contato com grau que mais se adeque ao seu quadro. 

”Existem diversos tipos de lentes de contato no mercado, fabricadas com materiais variados. Algumas induzem mais ressecamento ocular do que outras”, afirmou o especialista. Uma vez iniciado o uso, você deve acrescentar colírios lubrificantes oculares próprios para lentes de contato na sua rotina. 

Por fim, nada de abandonar os óculos de vez! É indispensável alternar entre a lente de contato com grau e o uso de óculos. ”Não só é recomendável, como é obrigatório. Seja para permitir uma lubrificação ocular adequada, mas também a oxigenação natural das estruturas oculares. Ao reduzir os riscos de complicações associados ao uso das lentes de contato, os pacientes poderão se beneficiar das inúmeras vantagens que elas podem proporcionar, durante anos”, conclui o médico.

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Dr. Sérgio Felberg

Dr. Sérgio Felberg

Oftalmologia

CRM: 92504 / SP

TAGS
olho-seco

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Como evitar que o uso de lentes de contato leve à síndrome do olho seco?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.