Falta de sono? Listamos 5 dicas para melhorar a vida de quem acorda diversas vezes durante a noite


  • +A
  • -A
Imagem do post Falta de sono? Listamos 5 dicas para melhorar a vida de quem acorda diversas vezes durante a noite

Quem tem o sono leve sabe como é terrível acordar várias vezes no meio da noite, ocasionalmente enfrentando dificuldades para voltar a dormir. A interrupção do sono pode prejudicar bastante o poder restaurador do repouso e pode te deixar cansado mesmo que você tenha ido dormir cedo. Existe alguma coisa que aqueles que acordam diversas vezes durante a noite podem fazer para tentar contornar esse problema?

Acordar diversas vezes é sono leve ou sinal de alguma coisa mais séria?

Pode ser tanto uma coisa quanto a outra, é preciso ver o impacto que isso está gerando na vida do paciente. “O que caracteriza a doença é o prejuízo que este estado causa na atividade diurna”, explica o otorrinolaringologista e especialista em medicina do sono Dr. Allison L. Tonassi. “Se a pessoa acorda à noite, mas mesmo assim tem um sono revigorante e não há prejuízo em suas atividades durante o dia, pode ser algo fisiológico, mas se há algum sintoma como fadiga, alteração da concentração, das atividades escolares, transtornos de humor e irritabilidade e sonolência diurna, já podemos considerar a possibilidade de um distúrbio do sono”.

Nem sempre o despertar é lembrado

O especialista garante que nem sempre o paciente se recorda de ter acordado, mas que isso é irrelevante para os possíveis prejuízos que esse despertar pode causar em sua concentração no dia seguinte. “Quando falamos de acordar, não consideramos tomar consciência de que acordou. Existe um estágio do sono no qual há um despertar que pode durar segundos e o paciente não se dá conta disso”, explica Tonassi. “Esses microdespertares, em uma porcentagem elevada, podem alterar a arquitetura do sono, diminuindo a quantidade dos estágios reparadores e propiciando um quadro sintomático mesmo que o paciente não se lembre de ter acordado”.

Confira cinco dicas que vão contribuir para que suas noites de sono sejam melhores:

1) Nas três horas antes de dormir não faça refeições pesadas nem beba muito líquido. Uma ceia leve pode ser útil. Evite dormir com fome. Coma algo (fruta, barra de cereais, etc.), se estiver com fome antes de dormir.

2) O álcool pode interromper o sono. Evite bebida alcoólica.

 

3) Não fume depois das 19h ou, melhor ainda, pare totalmente com o hábito de fumar. Além de fazer mal à saúde, o fumo é excitante e dificulta o sono.

 

4) Evite qualquer cafeína (café; chá preto, mate ou verde; coca; chocolate; guaraná; energéticos) por uma semana de teste ou limite a cafeína em três xícaras, no máximo, até às 10h da manhã.

 

5) Não fique na cama caso não esteja conseguindo dormir (ou voltar a dormir). Evite ficar conferindo as horas no relógio. Levante-se e faça algo que já percebeu (através de experiências anteriores) que o faz relaxar e ter sono de novo. Só então, volte para a cama.

Dr. Allison L. Tonassi é especialista em Otorrinolaringologia pelo Hospital Geral de Bonssucesso, especialista em Medicina do Sono pelo Instituto do Sono da Universidade de São Paulo e chefe do serviço de otorrino da clínica Prontorrino. CRM: 52 649660

 

TAGS
insonia
psicologico
sono

FIQUE POR DENTRO DE DICAS
DE SAÚDE
E BEM-ESTAR

Nenhum comentário para "Falta de sono? Listamos 5 dicas para melhorar a vida de quem acorda diversas vezes durante a noite"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.